681818171876702
Loading...

Na falta de um demônio articulado, Macedo apela para carta anônima como propaganda eleitoral



Além da credibilidade desgastada dos capetas falantes da IURD, convenhamos, fica difícil fazer um "apelo eleitoral" tão elaborado com vozes guturais. 

Macedo apela para outro "artifício espiritualizado" para dar o recado a seu rebanho eleitoral anencéfalo. Nesta última quarta-feira, o líder da Igreja Universal do Reino de Deus, usou seu blog para publicar uma carta anônima que ataca o candidato petista à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad , e defende Celso Russomanno (PRB).

Na carta intitulada "Desabafo da Revolta" - um texto atribuído a um membro oculto da IURD que assina apenas "Amigo" - são listados cinco motivos para não se votar em Haddad e outros cinco para eleger Russomanno.

Entre os motivos para não votar no petista, a carta lembra do kit-gay", mensalão, vazamentos no ENEM e preço da passagem de ônibus. A carta também falaria da cobrança de um eventual pedágio para demônios, uma forma de taxar os milhares cidadãos do além que faturam alto na IURD, mas não contribuem para o bem público...Risos. Tá bom, a ultima parte foi por nossa conta!

Quanto a Russomanno, a carta  diz que o partido do candidato, o PRB, tem "em seus cargos de direção verdadeiros homens de Deus". O coordenador da campanha de Russomanno, Marcos Pereira, é bispo licenciado da Iurd. O texto também afirma que Haddad tem "inexperiência desastrosa", enquanto o tucano José Serra , também candidato na disputa, tem "fome pelo poder".

A idéia da carta é boa. Se der meleca - e com Russomano vai dar com certeza- o capeta, suspeito usual nestes casos, dividirá  a culpa com o garganta profunda anônimo da IURD.



Com informações de IG e agências.






 

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail