JOYCE MEYER - PRESTÍGIO, LUXO , FORTUNA E HERESIA


Joyce é uma líder da Teologia da Prosperidade, a qual como a maioria dos seus mestres, tem transformado o sangue de Cristo em um líquido viscoso e dourado e este, por sua vez, é cunhado em barras de ouro para enriquecer os pregadores e embalar em sonhos dourados os que acreditam nessa teologia.
Infelizmente, nem tudo que reluz é ouro... Conforme o provérbio popular,  e os ensinos de Joyce Meyer contêm algumas heresias embutidas e disso vamos dar alguns exemplos, antes de delinear a vida faustosa que essa “mulher de Deus” tem usufruído graças aos ensinos que agradam os ouvintes e lhe rendem altos dividendos.
Joyce Meyer, como Copeland e Haggin,  não crê que Jesus tenha efetuado na cruz a completa reparação dos nossos pecados, conforme a Bíblia ensina. Ela acredita e ensina que Jesus precisou ir ao inferno e ser ali atormentado durante três dias, a fim de completar a reparação dos pecados da humanidade:
“Durante o tempo em que Ele permaneceu no inferno, o lugar para onde você e eu deveríamos  ir, por causa dos nossos pecados... Ele ali pagou o preço... Nenhum plano seria extremo demais... Jesus pagou na cruz e no inferno... Deus levantou do Seu trono e disse aos poderes demoníacos que atormentavam o  Seu Filho impecável: ‘Deixem-no ir’. Foi então que o poder da ressurreição do Deus Todo Poderoso entrou no inferno e encheu Jesus... E ressuscitou dos mortos o primeiro homem nascido de novo.” (“The Most Important Decision You Will Ever Make: A Complete And Thorough Understanding of What It Means To Be Born Again”, 1991, páginas 35-36 do original de Joyce Meyer).
Joyce continua: “Não existe esperança alguma para ir ao céu, a não ser que se acredite de todo o coração nesta verdade... Que Jesus tomou o nosso lugar. Ele se tornou o nosso substituto e sofreu todo o castigo por nós merecido. Ele carregou todos os nossos pecados. Ele pagou o débito... Jesus foi ao inferno em nosso lugar. Ele morreu por nós”  (p. 45 do mesmo livro)
Joyce Meyer declara ostensivamente que não existe esperança alguma para se chegar ao céu, a não ser que se acredite nesta “verdade” que ela está ensinando, ou seja, que Jesus desceu ao inferno, sofreu nas mãos dos demônios e ali nasceu de novo. Isso é pura heresia. Mas vejamos outra heresia contida em sua obra. Joyce se considera impecável, conforme podemos escutar em sua fita de áudio intitulada: “What Happened from the Cross to the Throne?”:
”... Eu não deixei de pecar, até que finalmente entrou em minha cabeça dura que eu já não sou uma pecadora... Ora, a Bíblia diz que sou justa e não posso ser justa e pecadora ao mesmo tempo. Tudo que me ensinaram a dizer foi: ‘Sou uma pobre e miserável pecadora’. Ora, eu não sou pobre, nem miserável pecadora. Isso é uma mentira das profundezas do inferno. Isso é o que eu era, antes de nascer de novo, e se continuo sendo isso, então Jesus morreu em vão”.
Contudo, a Bíblia ensina na 1 João 1:8: “Se dissermos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e não há verdade em nós”. Quem está mentindo: O Apóstolo João ou Joyce Meyer?
Como todo pregador de heresias, Joyce admite que recebe parte dos seus ensinos dos próprios anjos. Para ela e outros visionários a Palavra de Deus não é suficiente...
“Ora, os espíritos não têm corpos e, portanto, não podemos vê-los. Mas eu creio que existem vários anjos aqui, esta manhã, pregando para mim. Creio exatamente que, antes de fazer qualquer declaração, eles se inclinam para mim e me dizem ao ouvido o que eu devo transmitir a vocês”  (“Witchcraft and Related Spirits - Fita de Áudio, Parte 1, 2A-27). 
Como todo pregador de teologia ao gosto do ouvinte, Joyce Meyer tem uma legião de seguidores e na entrevista abaixo veremos a quanto chegam o seu prestígio e sua fortuna. Eis uma reportagem completa feita pelos repórteres americanos Carolyn Tuft (ctuft@post-dispatch.com) e Bill Smith (billsmith@pot-dispatch.com) sobre a vida e riqueza dessa importante figura dos meios carismáticos, a qual, aos 60 anos de idade, ostenta uma fortuna milionária como somente os pregadores da fé/prosperidade conseguem acumular. Têm a palavra os dois repórteres supracitados.
Joyce Meyer garante que tudo que ela possui veio diretamente dEle. Uma empresa internacional com capital de US$10 milhões; um Sedan Mercedes Benz cinza prata de US$107 mil (do seu marido); uma casa residencial de U$2 milhões e outras casas, (dos pais e dos 4 filhos) cada uma avaliada no mesmo preço, tudo isso, segundo ela diz, constitui-se em bênçãos vindas diretamente das mãos de Deus. [N.T - Ou como está claro, dos bolsos dos iludidos pelo desejo de enriquecer facilmente, seguindo a sua teologia]. Ela diz que tem sido uma carreira admirável, nada sem um milagre acoplado e sem um contador que dirige um dos maiores ministérios televisivos do mundo. Seu ministério espera arrecadar este ano nada menos de US$95 milhões.
“Olhem ao redor”, ela disse aos repórteres no mês passado, sentada atrás de sua escrivaninha, no 3º. andar do edifício de escritórios do seu ministério, no Condado de Jefferson. “Aqui estou eu, uma ex-dona de casa de Fenton, com uma educação do segundo grau... Como poderia alguém olhar para isso e ver outra coisa que não fosse de Deus?”
Em muitos aspectos, Joyce Meyer é uma Cinderela americana.
Descrevendo-se como tendo sido sexualmente abusada, negligenciada e abandonada quando era uma jovem esposa [no primeiro casamento], Mayer se transformou numa das mais famosas e bem remuneradas pregadoras da nação americana. Ela obteve sua  “prosperidade” por meio da “fé”, que prega a milhões de pessoas. “Se você permanecer firme em sua fé, vai receber o pagamento... Eu agora estou vivendo na retribuição”, disse Meyer a uma audiência em Detroit...
Um dos aviões de Meyer
Aos 60 aos de idade, Meyer é uma avó, dirige o ministério junto com o marido Dave e os quatro filhos, com as respectivas esposas. Todos da família, inclusive as noras, recebem salários do ministério.
Mas, a maneira pela qual Meyer gasta o dinheiro do ministério com ela e a família pode estar violando uma lei federal, dizem os peritos em leis sobre impostos e taxas. Essas leis condenam os líderes dos grupos religiosos e outros grupos beneficentes que usam o dinheiro arrecadado para benefício próprio, aproveitando a isenção de impostos.
No mês passado, Wal Watchers, um dos grupos observadores, entre os que monitoram as finanças dos grandes grupos cristãos, foi convidado pelo International Revenue Service (IRS) para investigar Meyer e mais seis pregadores da TV, a fim de verificar se o seu status de isentos de impostos deve ser revogado.
Meyer e o seu advogado afirmam que ela está cumprindo escrupulosamente as leis federais. Conforme a revista Christian Life, Meyer é a mulher mais popular da América. No ano passado, ela foi a preletora principal da Christian Coalition’s Road Victory, um ajuntamento  de alguns dos mais influentes líderes da política conservadora. Hoje em dia, os seus shows na TV, suas conferências regionais e arrecadação de fundos através do seu website, rendem em média U$8 milhões mensais. Desse total, o ministério afirma que despende cerca de 10%, ou uma média de US$880 mil mensais, com obras de caridade através do globo.
A estrela de Meyer tem brilhado tanto que até ela mesma fica admirada. “Dave e eu nos sentimos quase como: será que esses aí somos nós mesmos? Sentimo-nos como sendo as pessoas mais abençoadas e honradas da terra!”.
Cada nação, cada cidade
O ministério de Meyer se estende por todo o globo. De uma área de shows radiofônicos, em 1983, distante cinco minutos de St. Louis,  ele se expandiu por transmissão via satélite e pela Internet. Nos EUA, o show de TV “Life in the Word” chega ao ar a 43 estados, através de canais locais, desde Pembina, N.D., e Crowley, LA, até Boston, Detroit, Los Angeles e St. Louis.
Meyer se tornou o modelo da dona de casa nas áreas do Canadá, México, América do Sul, Europa, África, Austrália - uns 70 países ao todo, conforme está escrito na revista do seu ministério. Ela diz que o ministério recebe 15 mil cartas por mês,  somente da Índia. Em setembro, a tradução do seu programa na língua árabe já começou com seis transmissões diárias na rede de TV Life Channel, no Oriente Médio. Meyer espera usar a rede de TV para levar a mensagem do Cristianismo a 31 nações islâmicas.
“Vocês precisam colocar em mente que pessoa alguma jamais conseguiu fazer isso... quando uma mulher do Ocidente se apresenta em trajes ocidentais pregando o evangelho de Jesus na língua árabe pode ser bem interessante!”, disse Meyer. Ela e seu marido afirmam que o ministério tem o potencial para atingir 2,5 milhões de pessoas em cada dia da semana.
Apesar de tanto sucesso no ministério o casal afirma que ainda tem muito trabalho para fazer. “Cada vez que nos sentimos como se tivéssemos chegado ao ápice, Deus nos abre mais portas”, diz Meyer.
O recente slogan do casal, impresso em um poster colocado no quartel general do ministério e nas flâmulas de suas conferências, estabelece um objetivo ambicioso para o futuro: “cada nação, cada cidade”.
Seguidores fiéis e críticos ferozes
Uma das modestas propriedades de Meyer
A pregação convincente e às vezes humilde de Meyer tem angariado uma legião de seguidores, principalmente mulheres, que nela vêem tanto uma ministra como uma amiga confiável. “Ela é tão prática... Ela faz com que tenhamos a impressão de que ela é nossa irmã, que se relaciona e nos compreende sem condenação e sem julgamento”, disse a motorista de ônibus, Eva McLemore, de 43 anos, em uma das conferências de Meyer em Atlanta. [N.T. - Aqui está o segredo do sucesso de todo pregador que prega somente o amor de Deus, sem jamais fazer qualquer advertência contra o pecado, ressaltando a necessidade de arrependimento].
O estilo de Meyer tem angariado a crítica dos que a consideram uma propagandista do carnaval do “fique-rico-depressa”, o qual tem como único foco: conseguir o máximo de dinheiro do maior número de pessoas no menor espaço de tempo.
Ole Anthony, líder da Trinity Foundation, uma instituição religiosa de observação, situada em Dallas, diz: “Ela pertence ao gênero típico dos tele-evangelistas que enriquecem à custa das pessoas pobres a quem supõem estar ministrando”.
Além de ser uma pregadora carismática, Meyer é autora de 50 livros sobre uma variedade de tópicos, desde livros de auto-ajuda, sobre dietas e casamento até os mais profundos temas filosóficos. Dois dos seus livros mais recentes - “Knowing God Intimately” (Conhecendo Deus Intimamente) e “How to Hear From God”  (Como Escutar Deus) - tratam da edificação de um relacionamento com Deus, embasado na fé. Ela também vende fitas de áudio e vídeo, em quantidade bastante para preencher várias páginas do catálogo do seu ministério. 
Meyer não se desculpa por oferecer os seus livros e fitas e nem por solicitar, incansavelmente, em seu website, nos shows da TV e em suas conferências, ajuda para o seu ministério, explicando: “Eles não me dão a TV de graça... O evangelho é grátis, mas os seus meios de divulgação custam caro!”
Uma inclinação pelas coisas bonitas
Meyer gosta de coisas bonitas e de gastar com as mesmas. Desde um relógio francês de US$11 mil, no quartel general em Fenton, até um barco Crownline de US$105 mil, ancorado em sua mansão de férias no Lago Ozarks. Está claro que o seu gosto tende mais a Perrier [água mineral parisiense de luxo] que para água da bica. “Você pode ser um rico homem de negócios aqui em St. Louis e todo mundo vai achar isso maravilhoso, mas quando você é um pregador, isso logo se transforma em problema... Mas a Bíblia diz: “Daí e dar-se-vos-á”, Meyer disse. 
O quartel general do ministério é uma jóia de três andares construída em tijolos vermelhos, com um esmeraldino gramado na parte externa, assemelhando-se a um luxuoso hotel resort. Construído há três anos, ao custo de US$20 milhões, o edifício e os jardins são um perfeito cartão postal, com canteiros de flores feitos à mão e belas alamedas para se alcançar uma cruz iluminada. A entrada para o complexo de escritórios é ladeada por bandeiras das nações já alcançadas pelo ministério. Uma grande escultura representando a Terra está no alto do edifício, com uma Bíblia aberta, perto do estacionamento. Do lato externo da entrada principal, vê-se a escultura de uma águia pousada no galho de uma árvore, próxima a uma queda d’água artificial. Uma mensagem em letras douradas saúda os empregados e os visitantes, na via de entrada: “Vejam o que o Senhor tem feito!”
Umas 510 pessoas trabalham ali. O escritório do ministério é igual a qualquer outro escritório comercial, onde os funcionários abrem a correspondência; os contadores contam o dinheiro; os editores empilham fitas de vídeo a serem enviadas para os clientes. O único sinal de igreja ali dentro é uma capela, a qual permite exclusivamente aos empregados o acesso à adoração. O edifício é decorado com pinturas e esculturas religiosas e móveis de alta qualidade. Muitos desses, diz Meyer, foram escolhidos por ela mesma.
Uma lista de acesso ao Condado de Jefferson oferece um lampejo de muitos desses itens: um par de vasos de Dresden (US$19 mil); seis vasos de cristal da França comprados por US$18.500; uma porcelana de Dresden pintada com a Natividade (US$8 mil); dois gabinetes originais (US$5.800); uma porcelana com a crucifixão (US$5.700); um par de vasos alemães comprados por US$5.200. [Somente aqui temos mais de US$60 mil em peças delicadas].
A decoração dos escritórios inclui uma mesa redonda em malacacheta, de US$30 mil; uma cômoda antiga com tampo de mármore de Carrara (US$23.000); uma estante de escritório de US$14.000; uma porcelana de Dresden mostrando a Via Sacra (US$7 mil); a escultura de uma águia sobre um pedestal (US$6.300), uma águia de prata comprada por US$5.000 e inúmeras pinturas adquiridas ao preço de US$1mil e US$4 mil cada uma.
No interior do escritório de Meyer, está uma mesa de conferência com 18 cadeiras, comprada por US$49.000. As obras de madeira em seu escritório e no do seu marido custaram US$44 mil. O registro total da propriedade pessoal do ministério apresenta uns US$5,700 milhões em móveis, obras de arte, porcelanas, cristais e um equipamento de última geração em maquinaria que enche os 158.000 metros quadrados do edifício. [N.T. - Neste complexo de tanta prosperidade caberiam nada menos de 3.160 apês iguais ao da tradutora, a qual, até o momento, só conseguiu prosperar na GRAÇA!].
Até este verão, o ministério também possuía uma frota de veículos no valor médio de US$440 mil. O assessor do Condado de Jefferson tem-se empenhado para que o complexo e o seu conteúdo entrem no rol dos impostos, mas até agora nada conseguiu.
Carros esporte e aviões de alto estilo
Meyer dirige um carro esporte conversível Lexus SC,  modelo 2002, avaliado em US$53 mil; seu filho Don, de 25 anos, dirige um Sedan Lexus 2001, do ministério, avaliado em US$46 mil. O marido de Meyer dirige um Sedan Mercedes Benz S 55 AMG e Meyer diz: “Meu marido gosta muito de carros”. Os Meyers mantêm, no Aeroporto de Chesterfield, um jato Canadair CL-600 Challeger, do ministério, o qual, segundo Meyer, vale US$10 milhões. O ministério emprega dois pilotos em tempo integral, para levarem os Meyers às conferências ao redor do mundo. Meyer chama esse avião de “o salva vidas” dela e da família: “Ele nos capacita em nossa idade a viajar literalmente pelo mundo inteiro, a fim de pregar o evangelho... e com muito maior segurança do que os vôos comerciais”. 
A segurança é muito importante para Meyer, a qual declara que já recebeu ameaças de morte. Ela tem uma divisão do ministério dedicada à segurança. Seus oficiais usam pistolas; eles guardam o portão de entrada do quartel general, mantendo lá fora quaisquer pessoas que não sejam empregados ou visitantes convidados. O ministério comprou uma casa de US$145 mil, onde reside o chefe da segurança, sem pagar aluguel, a fim de que ele fique próximo ao quartel general do ministério.
O composto familiar
O ministério também comprou casas para os empregados principais. Desde 1999, o ministério tem gasto pelo menos US$4 milhões em cinco casas para Meyer e seus filhos, perto da Interstate 270 e da Gravois Road, no Condado de St. Louis, conforme registrado no Condado. A casa de Meyer, a maior das cinco residências, tem 10.000 metros quadrados em estilo Cape Cod, com um anexo para convidados e uma garagem com capacidade para oito veículos, a qual pode ser independentemente aquecida ou resfriada. A propriedade de três acres tem uma grande fonte e um lavabo alto, com vista panorâmica, uma piscina e uma casa anexa, onde o ministério construiu recentemente uma sauna de banho de US$10 mil.
O ministério assume as despesas do uso, manutenção e vista panorâmica das cinco casas. Ele também paga as reformas. Os Meyers autorizaram a principal obra de reforma à custa do ministério, logo depois que o ministério comprou 3 das cinco casas.
Por exemplo, o ministério comprou uma casa, nivelou o terreno e em seguida construiu uma nova casa no sítio, para a filha do casal Meyer - Sandra - e seu marido, conforme registros no Condado.
Até mesmo os impostos da propriedade - US$15,629 anuais - são pagos pelo ministério. Meyer diz que este é um “bom investimento” para o ministério e que ele mantém o custo da posse e manutenção porque a família é ocupada demais para cuidar dessas tarefas.
“É duro demais ocupar-se com alguma coisa quando se viaja tanto como nós viajamos” , diz Meyer. Ela disse que as leis federais permitem que os ministérios comprem habitações para os seus empregados, de modo que esse arranjo não viola qualquer proibição aos benefícios pessoais. Ela disse ainda que a decisão de manter a família reunida foi a maneira de construir uma barreira de proteção, a fim de assegurar a todos maior privacidade e segurança. “Colocamos boas pessoas ao nosso redor... Obviamente se eu tentasse esconder alguma coisa ou pensasse em fazer algo errado, não residiria na esquina da Gravois e na 270...”
Seguro Irrevogável
Meyer diz que espera o melhor de onde ela mora e, como é muito observada, o seu vestuário é talhado em alta escala na loja de roupas do West County. Em suas conferências, ela sempre usa jóias com muito brilho, inclusive um enorme anel de diamante que afirma ter recebido de presente de um dos seus seguidores. Ela tem um cabeleireiro particular e, há alguns anos, contou a alguns empregados que iria fazer um “lift” facial.  Nem tudo é pago pelo ministério.
No ano passado, os Meyers compraram um rancho por US$500 mil, em frente a um lago, em Porto Cima, no quarteirão de um clube particular de Ozarks. Algumas semanas depois, eles compraram dois jet-skis idênticos e um barco Crownline de US$105 mil, pintado de vermelho, branco e azul, o qual foi batizado de “Patriota”. No ano 2000, os Meyers também compraram para os seus pais uma casa de US$130 mil, a poucos minutos de onde residem. Os Meyers colocaram o carro Mercedes, a casa do lago e a residência dos pais num seguro irrevogável, um arranjo que os peritos dizem que ajuda a protegê-los de quaisquer problemas financeiros do ministério.
Meyer diz que não precisa defender-se do modo como gasta o dinheiro do ministério. Ela diz: “Nós ensinamos e cremos biblicamente que Deus deseja abençoar o povo que O serve; portanto, não há necessidade de nos desculparmos porque somos abençoados.”
O pessoal de confiança
Para a maioria das pessoas, Meyer pode gastar o dinheiro do ministério da maneira que lhe aprouver, pois o pessoal da diretoria é escolhido a dedo. Esse pessoal consiste de Meyer, seu marido e os 4 filhos - todos eles remunerados - além dos seis amigos mais íntimos do casal (Os oficiais do ministério disseram que a filha Laura Holtzmann pediu demissão, mas nos registros estaduais o nome dela ainda consta).
“Nossa família é de ajuda imensa para nós... Jamais poderíamos fazer tudo isso sem ter alguém em quem pudéssemos confiar”, diz Meyer.
Os membros do staff - Roxane e Paul Schermann - são amigos tão chegados que durante mais de uma década residiram na casa dos Meyers. O ministério empregou os dois como gerentes de alto nível e em 2001 comprou para eles uma casa de US$334 mil. Roxane e Paul Schermann já não trabalham no ministério, embora Schermann continue como gerente remunerado da divisão. Os Schermanns compraram a casa do ministério, pelo mesmo preço, em janeiro.
Delanie Trusty, a contadora do ministério, também serve como secretária da diretoria. A diretoria decide como deve ser gasto o dinheiro do ministério. Os salários de Meyer e de sua família são estabelecidos pelos membros da diretoria, que não são membros da família nem empregados do ministério. O advogado de Meyer diz que os arranjos concordam com os regulamentos do IRS.
“Nós certamente não gostaríamos de ter inimigos nem pessoas desconhecidas na diretoria, pois isso não faria sentido... Qualquer pessoa deseja ter uma diretoria a seu favor”, disse Meyer. Os salários de Meyer, do marido, dos filhos e respectivos cônjuges é um segredo que o ministério recusa-se a revelar.  “Não faço mais do que devo... E estamos definitivamente dentro dos regulamentos do IRS”, disse Meyer.
...
Os seguidores continuam leais
Os seguidores de Meyer parecem não se preocupar com o que ela gasta consigo mesma, do dinheiro do ministério. Em entrevistas com alguns desses seguidores, em sua conferência em Atlanta, em Agosto, todos disseram que Meyer os ajuda espiritualmente e, portanto, merece a sua riqueza.
William Parton, 32 anos, policial em Atlanta, disse que as pessoas não deveriam se preocupar  com o que Meyer faz com o dinheiro e disse:  “Eu acho que os Meyers estão fazendo o que Deus os chamou para ser feito; eles têm os seus seguidores e as pessoas gostam de ouvi-los, mesmo que seja apenas para efeito de entretenimento, exatamente como fazem com os atletas do esporte, e eles merecem viver conforme os seus meios lhes permitam viver”.
Michael Scott Horton, professor de teologia no Westminster Theological Seminary, em Escondido, CA, disse que atitudes como a de Parton são exatamente as de que tele-evangelistas como os Meyers se aproveitam: “Essa pobre gente do povo deseja acreditar que possui esse tipo de fé... a ponto de arriscar tudo para comprová-la, conforme o ensino de um suposto homem de Deus que está diante dela”.
Nenhum dos seus críticos parece perturbar Meyer. Ela garante que o seu sucesso material é um reflexo do seu compromisso com Deus. Conforme ela mesma coloca, “a Bíblia inteira realmente tem uma só mensagem: ‘obedeçam-me, fazendo o que eu ordenar, e então serão abençoados’.”   [N..T., Só esta mensagem? E onde ficam as mensagens da cruz, do arrependimento, e do amor ao próximo? Paulo diz em Gálatas 5:14:Porque toda a lei se cumpre numa só palavra, nesta: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo”. Será que um evangelista que prega o espúrio evangelho da fé/prosperidade ama realmente o próximo... OU simplesmente a sua conta bancária?]

Artigo “From Fenton to fortune in the name of God”
(“Joyce Meyer says God has made her rich”), Carolyn Tuft e Bill Smith
Traduzido por Mary Schultze http://www.cpr.org.br/Mary.htm
Divulgação Genizah



99 Comentários

Anônimo disse...

Estou, graças a Deus, há um tempo desencanado dessa e outras ARMADILHAS "gospi". Mais do que nunca voltei a ser o Bereiano...voltei para o Caminho.

Daniel disse...

O Silas Malafaia vai morrer de inveja disso !! hehe

Nathalia disse...

Incrível né cada pregador é uma decepção maior, ta difícil...

Marina Matozinhos disse...

Não tenho o hábito de levantar critícas aos pregadores de vejo por aí, mesmo com provas contundentes de seu desvio de carater...mas dessa vez não dá! O livro cavando trincheiras é a maior baboseira que já perdio tempo de ler....
Como uma pessoa é capaz de dizer que só estamos livres quando não cometemos mais pecado algun???
Esse arranca rabo de demônio que ela faz em seus livros já esgotou a paciência...

ISAIAS BRITO - cristão sem erudição disse... disse...

ISAIAS BRITO - cristão sem erudição disse...

Bom dia

De ja declaro que não gosto deste lixo de pregação "mamoniana"...

Fico triste com estas matérias ao notar o grau de degradação da palavra de Deus, ao ver o quanto se lança mão de contorcionismo interpretativo para justificar a lapidação dos bolsos desavisados e o quanto o deus-dinheiro desta gente e insaciável e acha que nem o Céu é o limite ou o ego ou a ganância, a linha divisória entre a heresia e a verdade é bem tênue, ainda mais para os de pouco entendimento, que não por outro motivo (falta de entendimento), são prezas fáceis desta “pregação de resultados” imediatos.
Bem oportuno este texto depois que eu li, fiquei cá com meus botões a pensar...
A falta de conteúdo (conhecimento básico) e ou malandragem em muitos pregadores esta a olhos vistos, não precisa cavar, é verdade, mas por outro lado a uma também certa “erudição” exacerbada que me faz perguntar: a eficiência da pregação da palavra esta sendo mantida com um uso exagerado de tantas palavras “polidas” por parte dos detentores da verdade revelada e sadia?.
Se por um lado a um total despreparo (tanto de quem transmite quanto se quem ouve) - ou malandragem mesmo - para manusear a palavra de forma responsável e bíblica, por outro lado há uma ineficiência nesta transmissão.
Ineficiência esta causada pelo uso de termos só compreendidos (às vezes nem por eles) por seus anunciadores e uma parcela bem pequena de seus ouvintes.
E o que é mais triste de tudo isso é constatar que estes exageros aos quais me refiro são (em sua grande parte) praticados por denominações tradicionais históricas (Presbiterianas, batistas e outras reformadas), lugares onde ainda se pode ouvir uma pregação expositivamente sadia da palavra de DEUS.
agora vejamos, alie-se a isto ouvintes despreparados acostumados a “comer pela mão dos outros” sem preparo pare entender muitas das vezes nem o básico desta difícil língua portuguesa (e suas pegadinhas...rsr), quanto mais entender pregações com palavras difíceis que em sua maioria servem mais para desfiles apoteóticos de “pregadores pavões” e sua retórica extremamente polida.
De forma alguma acho (antes que os “puristas” me ataquem) acho que púlpito e lugar para pregações de animadores de festa infantil, mas acho também que não é lugar para pregadores secos com mensagens não entendíveis, por uma população que pouco entende de tudo.
Pelas reflexões acima concluo que os dois (como todo extremo) extremos são prejudiciais.

Acho que nos falta equilíbrio, equilíbrio em tudo e em todas as coisas.

“ I Coríntios 14:9 Assim, vós, se, com a língua, não disserdes palavra compreensível, como se entenderá o que dizeis? Porque estareis como se falásseis ao ar.”

Anônimo disse...

Um artigo de Mary Schultze aqui. Interessante.

Anônimo disse...

Em suma:
Eles estão no topo da cadeia alimentar. (São Lobos)
Como tais formam uma matilha, e não uma familia.(Não se separam)
Vivem em um covil. (De luxo)
Recebem mensagens diretamente de anjos. (Então não deveriam contratar seguranças armados)
Não dão satisfação a niguém. (estão amparados pela lei).

Logo:
Não é um ministério (São Mafiosos)
Estão fazendo um montão para quem quer que seja.
Niguém está sendo enganado, estão simplismente pagando pelo entretenimento.

E achamos que o bag, o new earth, O casal 20, o amanhecedo, a capital chile, entre outros, são esperto. :-) :-) :-)

Chicão o fruto da videira.

Alexandre, pós-evangélico, católico disse...

Mary Schultze a primeira dama da Teologia do Ódio falando mal de Joyce Meyer uma primeira dama pentecostal, a verdadeira bronca aqui é que uma fundamentalista batista alienada e intolerante, depois de idosa ainda não aprendeu a respeitar a fé do próximo, Mary Schultze é daquelas batistas que prega que a Assembléia de Deus é uma denominação herege, assim como todos os pentecostais.

Mary Schultze vá de retro!

Sintonia da Vida disse...

Muitas "Bispas" e "pastoras" (imitadoras da Sônia Hernandes) Gostariam de que seus "ministérios" tivessem tais "selos" da benção de Deus. Não percebem que esse é um caminho de Mamom e que este mundo já está julgado!

O caminho do Carpinteiro está cada vez menos imitado!

Povo (americanos e brasileiros) ignorante do Evangelho.

Juliana disse...

Olha, acompanho esse blogo da mesma maneira que voces nos dizem pra acompanhar pregacoes: como uma bereiana. AS vezes concordo, as vezes discordo - mas posso dizer que concordo com a maior parte dos posts, principalmente do lado teologico. Mas eu vou defender a Joyce Meyer aih:

Primeiro que quem diz que ela prega evangelho de prosperidade, nunca ouviu nem dez minutos da pregacao dela. As palavras dela sao "chicotadas em cima de chicotadas". Pra falar a verdade, sao muitos poucos pregadores que falam tanto de pecados cotidianos, "pecadinhos", aqueles carequinhas que sao tao bem aceitos na igreja e os tratam como PECADOS. E Joyce Meyer eh uma delas. Nao ha pregacao dela que ela nao confronte a nossa mania de murmurar, a nossa ingratidao, as nossas "mentiras brancas", o nosso egoismo! E ele NUNCA declarou que vida de santidade = estar tudo bem. Ao contrario! Ela sempre conta de como ela suportou um pai que a violentava quando crianca e que mesmo ela crendo em Jesus isso acontecia com ela - e que os crentes estao vulneraveis a sofrer e a viver coisas terriveis! Ela sempre conta de como o casamento dela teve que ser restaurado, e de como o carater dela teve que ser mudado e de como dia apos dia ela precisa de se arrepender para que o casamento dela seja feliz!

Alias, eu recomendo a voces uma pregacao que me levou aos prantos, e que ateh hoje estah no topo das melhores pregacoes que eu ouvi: "nao seja ofendido pelas circunstancias". Se alguem achar que ela prega prosperidade depois de ouvir essa pregacao, entao eu acho que o meu conceito de evangelho de prosperidade eh outro!

Quanto a andar de jato e tudo o mais, nao nos esquecamos de uma coisa: A Joyce Meyer eh uma bestseller, tem livros que vendem igual agua! Ela eh rica, e o dinheiro dela tem uma fonte justa! Nao eh pecado ser rico! Eh pecado sim, usurpar o dinheiro da congregacao e oprimir o rebanho. Mas no caso dela, ela nao eh pastora, nao tem rebanho. Ela eh pregadora e autora, e grande parte do lucro vem dos livros que ela vende! Nada de errado com isso!

E quanto ao trecho do livro que voce citou, eu acho complicado citar frases soltas de um autor sem o contexto. Nao vou entrar no merito se Jesus foi ou nao ao inferno depois da cruz, porque pra falar a verdade, eu nao tenho opiniao formada a isso(jah ouvi argumentos biblicos de que sim e que nao, mas pra mim nao faz diferenca). Mas quando ela fala que a salvacao eh por essa verdade, o que ela quer dizer eh que a salvacao eh simples e puramente pelo sangue de Jesus e nao ha outra porta para o ceu......se isso eh heresia, entao Martinho Lutero, Calvino, Wesley e outros tambem sao hereticos....

José Somokovitz disse...

A bíblia diz que, quem prega o evangelho deve viver do evangelho, mas não diz que quem prega o evangelho deve ficar rico do evangelho.

ISAIAS BRITO - cristão sem erudição disse...

ISAIAS BRITO - cristão sem erudição disse...

se possivel gostaria de propor o tema ja citado no meu post anterior:
"PREGAÇÃO DE DIFICIL ENTENDIMENTO.

Obrigado pessoal do GENIZAH.

Anônimo disse...

Esses vendilhões nem o capeta vai querer no inferno!

Anônimo disse...

Pessoal, voces nao vao falar sobre o Silas Malacraia e o cerullo pedindo dinheiro no sabado passado?

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=4V1hz68SXDI

João Claudio disse...

Terrível ler essas coisas, nós que trabalhamos tanto em nossas humildes igrejas locas, onde dividimos o nosso pouco tempo de estar em casa descansando com a genuína obra de Deus, sem almejar algum lucro a não ser ver almas salvas e vidas transformadas.

Mas tenho que me conter para não desejar o mal a esses falsos profetas. Sabemos que os olhos de Deus contemplam tudo e todos e Ele é Justo.

PROFESSOR APOLOGÉTICA disse...

Daniel, o Mala"fala" tem um avião bem mais caro que o dela. E ele (o Mala)ainda disse que o preço foi o de uma "galinha morta". Se Joy$$$e MeyeRRR arrecada 8 milhões de dólares por mês, imagine quanto arrecada o "Mala" com a unção do Cerullo. São R$911 reais, caso 1 milhão de "trouxas" encherem a mala do "Mala", já são R$911 milhões numa só campanha. Quantas pessoas, ávidas por dinheiro rápido assistem seus programas? Quantos querem prosperar a qualquer preço?

Pr. Paulo Costa disse...

Puxa vida. Que bom que ela tem tudo isso. Todos deveriam rabalhar muito para ter o que ela tem.

Servo disse...

Óra,éla é uma pessoa que Deus abençoou,e tudo o que ela prega tem base bíblica,e ela prega as promessas de Deus a todas as pessoas,não há mal nenhum nisso,parem se ser religiosos e creiam na totalidade das bençãos de Deus,prosperidade é benção de Deus sim,queiram os religiosos ou não,vocês publicam só o que convém a vocês.
Um exemplo,a Igreja Prebiteriana do Brasil permite bebidas alcoólicas,cigarro e não acredita nos dons do Espirito Santo,isto é,se comporta como uma seita,mas como grande parte dos que escrevem aqui são Presbiterianos,vocês não ousam debater sobre isso.

Que Deus continue abençoando a Joyce Méier,assim como tem nos abençoado!

Servo disse...

KKK,vejam só o que idiota acima disse:

2 de agosto de 2011 14:28

Anônimo disse...
Pessoal, voces nao vao falar sobre o Silas Malacraia e o cerullo pedindo dinheiro no sabado passado?

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=4V1hz68SXDI

*Fala do Malafaia mas não perde ele kkkkk...
Esse deve ter dado o dobro

Robson Lelles disse...

Para quem ainda não acredita na expansão do MAMONISMO na igreja cristã, aí está mais uma prova.

O que deve ter de bispulha, apústula e putriarca se roendo de inveja dessa pobre mulher, de escolhas equivocadas, não deve ser pouca coisa.

Ricardo e Clara disse...

Juliana, você ARRASOU! ARRASOU! ARRASOU! Concordo com tudo q vc disse. Eu vou repetir suas frases, p ver se entra na cabeça do povo:

"Quanto a andar de jato e tudo o mais, nao nos esquecamos de uma coisa: A Joyce Meyer eh uma bestseller, tem livros que vendem igual agua! Ela eh rica, e o dinheiro dela tem uma fonte justa! Nao eh pecado ser rico! Eh pecado sim, usurpar o dinheiro da congregacao e oprimir o rebanho. Mas no caso dela, ela nao eh pastora, nao tem rebanho. Ela eh pregadora e autora, e grande parte do lucro vem dos livros que ela vende! Nada de errado com isso!
E quanto ao trecho do livro que voce citou, eu acho complicado citar frases soltas de um autor sem o contexto."

1.Eu queria sabe se no mundo "crente" de vcs, tem alguém nesse mundo que presta?!

2.A pessoa num pode nem ter uma vida estável financeiramente. Por que prega a palavra, tem q ser pobre? Agora pronto!

3. Pegar palavras soltas sem contexto é quase um crime..Distorce o que a pessoa quis dizer...estão iguais a espíritas, q pegam a parte do texto de 1 Samuel 28:7-20 onde os espíritas interpretam à possível comunicação com os mortos. Não vê o contexto, e pega essa pequenina parte do texto pra justificar o seu pecado.

Ainda bem que nada aqui abala a minha fé. Coitados dos que visitam esse site. Se forem recém convertidos, se desviam na hora!

Anônimo disse...

Pr. Paulo Costa disse...
Puxa vida. Que bom que ela tem tudo isso. Todos deveriam trabalhar muito para ter o que ela tem.


Que bom que alguém aqui se alegra com a prosperidade do outro. Eu tb me sinto feliz por ela ter tudo isso. Um dia tb terei.

Zaslon disse...

Pequenas igrejas, grandes negócios.

Anônimo disse...

Pr. Paulo

o lançe de ter ou não ter o patrimônio não vem ao caso, e sim a forma ilícita de obtê-lo.

“Enquanto houver cavalo, São Jorge não vai andar a pé!”

Carlos

Anônimo disse...

Realmente, Pr. Paulo Costa.
Todos deveriam trabalhar, não enganar os outros para construir um patrimônio de extravagância e luxo às custas dos otários.

Se esta cidadã fosse brasileira, seu sobrenome poderia ser Malafaia.

Eita quanta imundície no meio dos que se dizem pastores!

Fagner disse...

A Joyce Meyer fumou o mesmo orégano herético que o Kenneth Hagin, alias foi ele que começou com essa heresia de mandar Jesus pro inferno! Dos EUA de 1 Kilo, teológicamente aproveitamos 1 grama!

Um abraço a todos! e @GenizahVirtual é nóis na apologética irmão!

Fagner (@Fagnet)

Stef disse...

Concordo com o que a Juliana disse. Muitas vezes eu venho nesse site e vejo o que postam a respeito de muitos pregadores que se desviaram do foco por causa de dinheiro. Isso esta cheio no mundo hoje e nao precisa fazer muito esforco pra reconhecer esse tipo de gente. So falam em dinheiro e prosperidade. E quem esta falando ai da Joyce é porque nunca ouviu uma mensagem dela mesmo! Inclusive eu ate vou sugerir que os autores desse texto confiramm no site da Joyce a pregacao dela que esta postado de segunda e terca feira dessa semana. Ela fala exatamente do amor ao dinheiro e as coisas materiais. A Joyce é uma das poucas pregadoras hoje em minha opiniao que fala sobre carater, mudanca de vida, salvacao em Jesus, comportamento cristao e o cuidado com a religiosidade. Sem falar nos trabalhos sociais em paises pobres onde ela leva ajuda mateiral e espiritual. Como mencionado ai tambem a respeito dos paises mulcumanos, nao sei se tiveram a oportunidade de ouvir alguma das pregacoes dela na India onde ela leva a milhares pessoas a mensagem da salvacao e fala de Jesus com tanta propriedade e sem medo de estar falando tao abertamente de Jesus em um pais onde a religiao predominante e o islamismo. Eu sugiro a voces porcurarem pela mensagem e ouvir com atencao o que ela fala. Como foi citado ai acima uma das poucoas pessoas que tem acesso ao mundo islamico para levar o evangelho de Jesus. Voces deveriam se informar mais a respeito do trabalho e da vida das pessoas antes de ficar falando besteira. Muitas das citacoes acima de frases da Joyce nao vejo nada comprometedor, acho que estao procurando chifre na cabeca de cavalo...Voces simplesmente fizeram uma relacao dos bens por ela adquiridos, o que eu penso que uma pessoa como ela, nao seria dificil de se obter pelo tamanho do ministerio que possui. A nao ser que ser rico se tornou pecado pra voces. E alem disso eu nao vi nada a respeito de pregacao e mensagens dela que venha a comprometer o evangelho ou coloca-la como uma heretica. Sinto muito Genizah mas dessa vez nao concordo com as acusacoes... Caso queiram conferir ai vai o link da mensagem dessa semana, e por favor se informem melhor a respeito... http://www.joycemeyer.org/BroadcastHome.aspx?video=The_Law_of_First_Things_–_Pt_1

Marcela Melo disse...

Eu parei no "Jesus foi no inferno" e foi atormentado por demonios....

PELO AMOR DE DEUS...

Esse povinho que ta defendendo isso devia ler a biblia, pois nem Satanas está no inferno ainda....

Não sei o que é pior, se é as heresias dela, ou as pessoas que seguem....

Gilson disse...

Essa "fórmula" maldita esta sendo seguida a risca por muitos, lá e cá. Mamom está muito feliz...

Gilson disse...

Toda a grana que obtém é resultado de negociação da Palavra de Deus. Aquele negócio de dai de graça o que recebeu de graça, NEM PENSAR.

Anônimo disse...

Discordo absolutamente do teor da reportagem.

Se fosse o Paulo Coelho, ninguém iria listar seus bens de forma tão insidiosa.

Eu mesmo já li os livros dela,e acho edificantes,apesar de não estarem na minha lista dos 10 mais.

O que é melhor uma Lady Gaga ou a Joyce tornar-se uma pessoa que influencia as mulheres para seguirem Jesus ??

Ela ganha o dinheiro de forma honesta,através da venda de livros, seminários.Seria uma baita hipocrisia ela aparecer como a Madre Tereza de Calcutá fazendo voto de pobreza.

Desejo boa sorte pra ela, que ele continue trabalhando firme ,ajudando milhares de pessoas..

Servo disse...

Ora,ela é uma pessoa próspera,que crê nas promessas de Deus e vive elas em suavida,se ela fosse uma pobre miserável vocês faríam uma matéria?
Eu dou meu dízimos e ofertas e sou próspero,é o mesmo que desejo a vocês e a Joyce também.
Deus é um Deus de prosperidade em todos os aspectos,nas finanças também.

ronaldmachado disse...

Vida de luxo agora é pecado? Reportagem sensacionalista!
Acessa o relatório financeiro anual dela www.joycemeyer.com
Lá existe auditoria meu amigo. E recentemente ela foi elogiada pelo Comitê Federal que auditora os ministérios nos EUA justamente pela transparência financeira. Ela se compromete a investir 80% das doações dos parceiros em missões mundiais.
Aqui no Brasil ela construiu uma escola e doou para um ministério no Amazonas além de distribuir um filtro especial para filtrar água a diversas famílias de lá entre muitas outras coisas. Péssima reportagem.

Cinthia Martins disse...

O q q é isso gente???
O q me deixa aqui de cabelo em pé, é saber q quem se diz ser "simpatizante" de Jesus de Nazaré defender uma anátema dessas!! Sendo assim deixam bem claro quem realmente seguem, quero me direcionar a Sra Juliana q começou a gde defesa, e todos aos demais q apoiam essa heresia.
1 Timóteo 6
"Todos os servos que estão debaixo do jugo estimem a seus senhores por dignos de toda a honra, para que o nome de Deus e a doutrina não sejam blasfemados.
E os que têm senhores crentes não os desprezem, por serem irmãos; antes os sirvam melhor, porque eles, que participam do benefício, são crentes e amados. Isto ensina e exorta.
Se alguém ensina alguma outra doutrina, e se não conforma com as sãs palavras de nosso Senhor Jesus Cristo, e com a doutrina que é segundo a piedade,
É soberbo, e nada sabe, mas delira acerca de questões e contendas de palavras, das quais nascem invejas, porfias, blasfêmias, ruins suspeitas,
Contendas de homens corruptos de entendimento, e privados da verdade, cuidando que a piedade seja causa de ganho; aparta-te dos tais.
Mas é grande ganho a piedade com contentamento.
Porque nada trouxemos para este mundo, e manifesto é que nada podemos levar dele.
Tendo, porém, sustento, e com que nos cobrirmos, estejamos com isso contentes.
Mas os que querem ser ricos caem em tentação, e em laço, e em muitas concupiscências loucas e nocivas, que submergem os homens na perdição e ruína.
Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.
Mas tu, ó homem de Deus, foge destas coisas, e segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a paciência, a mansidão.
Milita a boa milícia da fé, toma posse da vida eterna, para a qual também foste chamado, tendo já feito boa confissão diante de muitas testemunhas.
Mando-te diante de Deus, que todas as coisas vivifica, e de Cristo Jesus, que diante de Pôncio Pilatos deu o testemunho de boa confissão,
Que guardes este mandamento sem mácula e repreensão, até à aparição de nosso Senhor Jesus Cristo;
A qual a seu tempo mostrará o bem-aventurado, e único poderoso Senhor, Rei dos reis e Senhor dos senhores;
Aquele que tem, ele só, a imortalidade, e habita na luz inacessível; a quem nenhum dos homens viu nem pode ver, ao qual seja honra e poder sempiterno. Amém.
Manda aos ricos deste mundo que não sejam altivos, nem ponham a esperança na incerteza das riquezas, mas em Deus, que abundantemente nos dá todas as coisas para delas gozarmos;
Que façam bem, enriqueçam em boas obras, repartam de boa mente, e sejam comunicáveis;
Que entesourem para si mesmos um bom fundamento para o futuro, para que possam alcançar a vida eterna.
O Timóteo, guarda o depósito que te foi confiado, tendo horror aos clamores vãos e profanos e ás oposições da falsamente chamada ciência,
A qual, professando-a alguns, se desviaram da fé. A graça seja contigo. Amém." 1 Tm 6; 1-21

Não poderia deixar de colocar todo o capítulo, pq muitos ignorantes gospel poderia dizer q usei texto isolado, mas é mto claro q o nosso gde irmão Ap. Paulo recomendou...

Cinthia Martins disse...

... me digam gdes homens e mulheres de Deus , como morreu o Ap. Paulo???? O q ele sofreu em seu ministério?? Eu me considero um saco de miséria, não p/ estar de acordo ou p/ fazer bonito, mas é pq ao ler as Escrituras Sagradas ela me revelou quem eu e todos nós somos!!
Me dá um reboliço, ao ler e ver o q é a apostasia da fé, q eu não sei o q é pior, o q o Ap.Paulo passou ou q ele nos alertou q viria tempos difíceis p/ a nossa geração(e última) q mtos se apostatariam da fé, se deixando levar por falsas doutrinas!!!

Srs adeptos de "Tudo q é alegria vem do Senhor", vos informo q chorar litros por uma pregaçãozinha q fala do pecadinho branco ,como mencionaram, do pecadinho corriqueiro, até no filme Uma Noite no Museu,o grandalhão chorou qdo foi pego na técnica de mexer na feridinha p/ resolver seus traumas!!! Agora eu quero ver vc chorar de frente com um profeta de Deus e dizer seus pecados mais obscuros, aqueles q irão fazer a orelha do cachorro levantar do tipo o queeeeeeee???? dar nome aos bois e revelar o tal fulano escondidinho , não fica um filhinho, na mega conferência, azeda o mega show, as palavras de libertação já são muchas e o povo sai meio sem graça, falando q esse profeta é o diabo o belzebu, ninguém quer ele nas conferências nunca mais!!! O meu Jesus fez barulho e morreu na cruz por abrir a boca e denunciar, foi tido como o diabo, Ele não era só o profeta mas o Salvador, o mesmo q fez um chicote de 7 pontas p/ acabar com o mercantilismo da fé, e Ele não tinha um lugar p/ reclinar Sua cabeçaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!
Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira que está para vir???????
Pedra de tropeço!!! Abram seus olhos e suas bocas tb, esses são os tempos difíceis, e qto a Sra Meyer é uma adúltera q quer usar a graça p/ estar no 2º casamento e prosperar com seu mega consultório televisivo, deixando bem claro q o poder de Cristo não é mais suficiente, vai BANDO DA OPERAÇÃO DO ERRO façam suas consultas, comprem seus livros, MAS FAÇA UM ÚNICO FAVOR P/ O SEU BEM, NÃO DIGA QUE TENS JESUS CRISTO DE NAZARÉ!!!...

Cinthia Martins disse...

...Pq vcs vão pagar juntos com esses canalhas da fé se não se arrependerem LAODICÉIAS...

"E ao anjo da igreja que está em Laodicéia escreve: Isto diz o Amém, a testemunha fiel e verdadeira, o princípio da criação de Deus:
Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente; quem dera foras frio ou quente!
Assim, porque és morno, e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca.
Como dizes: Rico sou, e estou enriquecido, e de nada tenho falta; e não sabes que és um desgraçado, e miserável, e pobre, e cego, e nu;
Aconselho-te que de mim compres ouro provado no fogo, para que te enriqueças; e roupas brancas, para que te vistas, e não apareça a vergonha da tua nudez; e que unjas os teus olhos com colírio, para que vejas.
Eu repreendo e castigo a todos quantos amo; sê pois zeloso, e arrepende-te.
Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo.
Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono.
Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas." Ap.3;14-22

Cacy disse...

Se já não bastasse os "valadetes" defendendo seus ídolos com unhas e dentes... agora vem os "meyerdetes"... que M...

Ninguém merece!!!

claudiopimenta disse...

AMADOS QUE TAL colocar uma texto comparando o modo do hernades dias lopes e do sailas pedirem grana ?


qual o modo correto de pedir ofertas ?

Anônimo disse...

Eu compreendo as defesas,toda pessoa que defende a prosperidade é por que no fundo também quer ser prospero,e ai usam sempre o argumento da caridade pra justificar a riqueza o que não é louvável na biblia......se fosse assim Jesus teria falado pro moço rico: faça caridade e seja salvo....

ANA ELISA disse...

Quanto à heresia concordo em combatê-la. Agora...Vamos deixar de lado a hipocrisia, que todo mundo queria ter um mercedes, uma mansão e viver como um nababo, isso com certeza. Se esse dinheiro todo dela veio da falta de precaução dos inocentes: Em primeiro lugar, temos ou não o direito de escolher a quem damos ouvidos? Se existem quem pregue sobre prosperidade é porque também existe platéia para isso. Ninguém pregaria para auditório vazio. E por falar em auditório? O que será que buscam os ouvintes da prosperidade? Ser eremita, pobre, vestido de pele de animais e comendo mel silvestre? Duvido muito! Esses que compram o livro da dita senhora não são pobrezinhos tão inocentes enganados por uma atriz. E se essa senhora está com os bolsos cheios, bom pra ela. O que me importa é chegar no céu. Se ela está preocupada em acumular riqueza, que acumule. Eu quero é a riqueza do céu. Aqui não tem rua de ouro e nem portão de pérola. Perto da Nova Jerusalém, esta senhora está na miséria!
Ana Elisa Dantas de Souza Pires

Anônimo disse...

eu vejo o sacerdócio,como aprendi na biblia a de servir,acredito que uma vida confortável é justo terem,para que tanto façam seu papel a de servir no sacerdócio,penso que se DEUS dicesse, pastor tal, bispa tal postolo tal e etc e tal,quero que vc renuncie toda este conforto e somente pregue o evangelho, puro e verdadeiro , que vc pastoreie de verdade minhas ovelhas. Será que ficaria algum até que DEUS terminasse sua frase !!!!!!!!são poucos pastores ou quase nenhum que estão dispostos a deixarem todo este conforto para realmente servirem como sacerdotes e pastores de ovelhas, vamos tirar como exemplo o próprio JESUS,DEUS poderia ter dado a ele na terra todos os meios e confortos para que pregasse sobre salvação meios daquela época, vc não ve JESUS no seu rancho, desfrutando de um dinheiro que não era dele.

Danilo Fernandes disse...

Claudio,

Acho que o modo correto de pedir ofertas é o bíblico: Chamar aos irmãos a responsabilidade de manter a Obra. Mas o mais importante não é só o mode de pedir, mas o de usar e aqui a resposta é simplesmente usar o arrecadado segundo as prioridades de Jesus, as quais são claras.

Nada contra os milionários. Tudo contra os milionários enriquecidos na Obra. Aqui, o testemunho bíblico nos ampara.

Juliana disse...

Casy e Cinthia: frequentemente eu sou chamada de Valadete e Meyerete.....tudo bem que elas sao pregadoras que eu ouco frequentemente os sermoes, e eu pessoalmente me edifico. Mas o que poucos blogueiros sabem eh que eu nao sou devota de Santa Paula Valadao e nem de Joyce Meyer do perpetuo socorro. Na verdade, ha mais ou menos um ano eu virei devota de carteirinha de Sao Mark O'Driscoll - que eu sei que tem muitos devotos aqui neste blog.

Acompanho a serie de estudos do evangelho de Lucas(que por sinal estah EXCELENTE) como serie de TV, e frequentemente estou procurando no site da Mars Hill outros estudos biblicos de livros menores. Recomendo altamente o de apocalipse e neemias.....alias, nao existe pregacao do Mark Driscoll que eu nao recomenda.....quem tambem eh "devoto" deste santo reformado de Seattle, sabe o que eu estou falando. As pregacoes dele viciam....uma teologia reformada, bem ortodoxa a biblia e com muita presenca de Deus - misturada com o senso de humor sarcastico tipica dele.....eu dou altas gargalhadas em meio as lagrimas que saem dos meus olhos(sim, eu choro muito quando sou confrontada pelo ES). Mas as vezes eu entendo que minha admiracao pelo Pr. Driscoll beira idolatria, entao seguindo o conselho do proprio, eu tento ouvir outros pregadores(de preferencia que nao sejam da linha reformada, porque Mark Driscoll, John Piper, Matt Chandler, Paul Washer e cia, falam a mesma coisa mas de maneira diferente! Particularmente, eu amo o sarcasmo do Mark Driscoll). Daih eh que eu ouco Joyce Meyer, e pra nao ficar "tao americanizada", eu ouco um pouco das pregacoes da Ana Paula Valadao(nao gosto das musicas, acho repetitivas e cansativas. Mas amo as pregacoes).

Paradoxo? Pra falar a verdade eu faco de proposito: faco questao de ouvir pregacoes de mulheres, porque esse eh um dos poucos pontos que eu discordo no Mark Driscoll....quem sabe assim, a mensagem varia um pouco? Mas olha, quando Deus quer falar comigo, Ele fala pela boca de qualquer um. Quantas vezes eu acabo de ouvir uma pregacao do pastor "dude" de Seattle e ouco a Joyce Meyer ou Ana Paula, e parece que a mensagem eh a MESMA. Nem parecem que eles pregam teologias diferentes! As vezes as frases usadas sao igualsinhas....

Mas sabe qual o nosso problema(falo nosso, porque eu sou assim)? Nos temos a mania de achar que estamos com a razao! E achamos que existem no mundo dois tipos de pessoas: as que concordam conosco, e as equivocadas. E no meio evangelico, todas as que nao concordam conoscos sao chamadas de hereges. Mas isso me faz lembrar um estudo de Pedro ministrado por Sao Mark O'Driscoll, padroeiro dos "dudes" reformados: a palavra herege, eh muito forte e as vezes chamamos de hereges aqueles que discordam de nos em termos de doutrina aberta. A heresia ataca a doutrina fechada, e por mais que nao concordemos com certos irmaos, temos que ter muito, mas muito cuidado em chama-los de hereges!


No mais, continuo achando que nao eh pecado ser rico. Nao eh o foco do evangelho, nao eh o que devemos buscar primeiramente - mas nao existe nada de errado em ser rico. Mais uma vez citando o Pr. de Seattle, existem pobres justos(como Jesus, e os apostolos) e ricos justos(Abraao, Davi, o proprio Lucas, dentre outros). Mas existem pobres injustos e ricos injustos. Nao dah pra medir espiritualidade das pessoas baseando-se nos bens materiais.

Erik Thiago disse...

Jesus ao nascer exclamou!!! nossa é esse o berço mãe Maria? não tinha nada estilo Joyce Mayer não?A não mais que evangelho pobre é esse,não sei se falaram pra vc mãe Maria mais sou filho do Próprio Deus....então eu declaro nascer num lugar de luxo!! e outra hein quero um avião aqui nessas terras do
Oriente Médio faz muito calor, aliás sou filho do Dono de tudo né?não quero andar a pé,e outra carpinteiro não, eu quero ser é pregador bestseller e ter muito dinheiro.....É amigos infelizmente a Bíblia não é assim,eu sei que todos queriam essa vida mais o exemplo que o mestre deixou foi outro.....Lamento mais estilo de vida simples combina muito mais com o evangelho genuíno....vide os evangelhos!!!!!

Anônimo disse...

Há posicionamento a partir de contorcionismos assumidos livremente por Genizah nessa matéria. Lamento essa coisa grotesca.


Leandro Almeida

Tânia Pinheiro disse...

Ser rico não é pecado, entretanto, gastar seu dinheiro para ter uma vida nababesca quando vemos tantas pessoas passando por uma vida de miséria em várias partes do mundo, é no mínimo vergonhoso. A bíblia é repleta de passagens maravilhosas que nos mostram a beleza de abrirmos mãos do apego aos bens materiais para investirmos no reino de Deus. Fico a pensar como seria bom ouvir de um desses pregadores ou escritores, ou teólogos, enfim, seja o título que se quer dar, àquelas palavras ditas por Jesus: "As raposas têm seus covis, e as aves do céu, ninhos; mas o Filho do Homem não tem onde reclinar a cabeça." Acho difícil encontrar tal pessoa, se ser discípulo é seguir as pegadas do mestre, quem será o mestre de tais pessoas? Porque eu não consigo ver o Jesus bíblico, filho de Deus, que morreu em uma cruz, foi enterrado e ao terceiro dia ressuscitou sendo recebido nos céus, estando assentado à direita de Deus Pai, sendo conivente com tamanha falta de vergonha e prática bíblica. Desculpem-me os defensores de plantão. Talvez os mesmos não tenham a oportunidade de olhar à sua volta e ver a miséria que nos rodeia e avilta os céus.

BuuH disse...

Não sou discípula de Joyce Meyer, mas acho que quem escreveu realmente não conhece o trabalho dela ... Sobre ela etr dinheiro, pelo amor d Deus! Ela é best-seller! Claro q ela ganha muito dinheiro! Não ví nd d+ nas declarações dela, pelo contrário, ví uma pessoa q disse a verdade o tempo todo!
Se o Malafaia e Valdemiro fossem best-sellers em vários países eu tb concordaria com a fortuna deles, mas no caso de Meyer é pelo trabalho dela e não pelas ofertas recebidas! E sobre Jesus, bem, Ele tinha casa em Carfanaum (casa de praia), as roupas eram tão boas q qdo ele foi crucificado os soldados lançaram sorte p/ ver quem ficaria com a túnica! Ninguém disputa no palitinho um pano de chão!E qdo os reis magos chegaram com presentes, não foram em bauzinhos como naquela imagem infernal de presépio não! Foram camelos e mais camelos com iguarias!

O próprio Jesus tb disse que veio p/ nos dar vida em abundância! Como tb disse p/ pedirmos td em seu nome para que a NOSSA ALEGRIA seja completa!Tb disse q teremos aflições neste mundo, mas q ele venceu o mundo! E tá claro nas escrituras q Ele conquistou muitas coisas p/ nós! E q a salvação é simples, somos aceitos por Deus mediante a nossa fé o sacrifício de Jesus!

E sim! Jesus foi ao inferno!!! Passou 3 dias lá! Fazendo o que, eu não sei! Mas a bíblia diz que foi!!!

Eu acho que ela poderia ter uma vida mais simples e compartilhar mais a riqueza dela, mas isso é uma escolha! Contrário de Malafaia e afins, ela investe muito em missões! Por isso sou mais branda no meu "julgamento" em relação a Joyce! ... E continuo afirmando que quem escreveu o artigo tava mesmo era afim de falar mal dela!

Sou formada em teologia e nunca vou me esquecer do que um professor meu disse certa vez: "Agente vive aquilo que a gente tem mais consciência" .

Se sua consciência é batalha espiritual, vc acordará com demônio te estrangulando!
Se é "sou pobre e miserável" com toda certeza não conseguirá td o q sonha!
Se é prosperidade terá muitas coisas!
Se é graça, nunca será oprimido pelo sistema!

Verdade absoluta mesmo só saberemos qdo estivermos com o próprio Deus na Glória!

Enquanto isso, mas tentar viver da melhor forma possível e na PaZ! De tds os direitos q Deus nos deu, com certeza julgar não é um deles!
Bianca Bonato

Raquel disse...

O dia em assisti Joyce pedindo "oferta" para uma missão na África, destacando imagens de crianças pobres e famintas, tive uma vontade enorme de contribuir. Ainda bem que não enviei nenhum centavo. Se tivesse "contribuído" com qualquer valor, por insignificante que fosse, certamente me sentiria uma completa idiota.
Lamentável tudo isso.

Servo disse...

Joyce Méier é uma benção,seus ensinos nos fortalecem e nos fazem viver o melhor de Deus em nossas vidas,e tem mais;quando os membros do corpo de Cristo prosperam,a obra missionária proséra,os irmãos necessitados são supridos,e o que ´melhor,a mensagem do evangelho se propaga cada vez mais,mas claro que esse lado vocês não mostram pois não dará visitantes ao site.
E quanto a ela ser próspera é por que ela vende seus livros,seus vídeos de mensagens.
Cá entre nós Genizah,acompanho vocês desde 2009 e percebo cada vez mais que vocês publicam as opiniões de vocês,e que vocês se doem com tis pregadores,afinal enquanto vocês publicam contr,eles estão aí prosperando e pregando prosperidade felizes da vida.
E vocês não saem disso...

Gilson disse...

Esta mais que comprovado pelos psicólogos e psiquiatras, quem foi estuprado (a) ou abusada sexualmente, no futuro se tornará um abusador ou estuprador. Pois é, todo o povo sem entendimento está sendo estuprado, roubado e fica cada vez mais alienado.

Anônimo disse...

Gilson, o seu comentario foi ridiculo e deprimente! vc não sabe o que é abuso sexual não? TODO mundo????? horrivel o que vc disse! pensa antes de escrever! Leia o livro de Proverbios!

Anônimo disse...

Erik Thiago, Jesus veio ao mundo para sofrer, por isso ele veio pobre,kkk/ A avareza não é privilégio de rico, crentes pobres podem servir Mamon e irem para o inferno. Eu não julgo os ricos, cada um será julgado pelos seus próprios pecados. Todo mundo pode ser avarento. A prova é que o dizimo e as ofertas sempre é um assunto polêmico! Eu já dei o meu salário todo para missões, os """""crentes"""" que ficaram sabendo me criticaram./ Anônimo, Jesus mandou o jovem rico dar tudo o que tinha para os pobres e segui-lo. / A evangelização mundial precisa de muito dinheiro. Quem não for avarento que se mate de trabalhar para sustentar missões sérias./ Sobre Jesus ir para o inferno só achei estes versículos, para mim insuficientes: Atos 2:27 Pois não deixarás a minha alma no inferno, Nem permitirás que o teu Santo veja a corrupção; /Atos 2:31 Nesta previsão, disse da ressurreição de Cristo, que a sua alma não foi deixada no inferno, nem a sua carne viu a corrupção. / Apocalipse 1:18 E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém. E tenho as chaves da morte e do inferno./ E sobre heresias: o engano e a mentira são poderosos, qualquer um pode acreditar em baboseiras. Se vc acha que a heresia só está no outro já está enganado. Eu sempre desconfio de tudo o que ouço e penso. Isso é "levar todo pensamento cativo à obediência de Cristo". Qualquer um pode ser um herege. A Bíblia diz: " maldito o homem que confia no homem".

Anônimo disse...

poxa a macela mello tem razao Galera o inferno nao existe e como Jesus foi la ?

Claudia disse...

Mateus 7:1 - NÃO julgueis, para que não sejais julgados.
Minha vida foi muito edificada com leitura de livros de Joyce Meyer (sou leitora assídua da Palavra de Deus e não vejo graves discordâncias), e as circunstâncias com que encontrei esses livros a venda foram milagrosas. O primeiro eu não a conhecia, comprei pelo nome, num supermercado, num dia terrível - e lendo, disse: "Deus escreveu esse livro para mim usando esta autora" e hoje eu posso dizer que Joyce é uma mulher de Deus,cheia do Espírito Santo. Deus colocou especificamente cinco livros em minha mão com assuntos, que naqueles momentos distintos estavam abalando minha fé e até minha vida. Sem dúvida ela escreve em espírito, e não tem nada a ver rotular ela como "teoria da prosperidade", porque em minha experiência, esses livros me ajudaram a suportar pessoas e situações difíceis com amor e paciência, sem desistir da fé. Claro que ela é um ser humano como todos nós, ela tem recursos para dar segurança a seu ministério, ministério esse não sustentado por doações e dízimos, mas por VENDA JUSTA de livros, DVDs e afins que ela se dedica a produzir, e que servem para edificar vidas e avivar a fé. Ela ganhou o dinheiro honestamente (se pessoas não podem ganhar dinheiro escrevendo a favor da Palavra, porque podem ganhar escrevendo contra?) , e não cabe a ninguém julgar se ela erra ou acerta onde gasta. Ser rico não é pecado, depende sim do apego espiritual que se tem ao dinheiro - alguem pode ser pobre e não ter paz com isso). Fariseus criticavam e perseguiam Jesus. Prefiro focar no que ela tem acertado, ela tem ajudado muitas pessoas como eu, tem levado o evangelho a todos os povos, tem estrutura para traduzir suas obras e a Biblia em todos os idiomas do mundo, até em paises mulçumanos! Infinitamente a fé justifica(ROM10:6)Posso dizer que estou satisfeita como serva de Cristo, como cliente de Joyce, com tudo o que investi em seus livros, pois tive muito mais em troca, porque me Deus através dela, mostrou que me ama mesmo que eu sofresse bullying, que Deus fala comigo, com seus filhos - basta ouvir, que sempre podemos ser capacitados a amar mais, se orarmos para Deus nos dar amor, e que todo o pecado: o dela, o meu e o seu, é perdoado mediante a fé no sangue de Jesus derramado por nós. Quem não tem pecado, vai lá no condado e atire a primeira pedra. Vejam Lucas 7:33-35. Para cada um, Deus tem um projeto de salvação, uma missão, uma cruz diferente, busque em oração o que Ele tem para voce, olhe só para ELE, não para a prosperidade alheia. A maior riqueza que podemos ter é Jesus vivendo em nós, é uma vida repleta de amor e fé.

Anônimo disse...

Pra dizer a verdade o qual pastor ou lider que não gosta de dinheiro e luxo? Todos gostam. Desconheço quem não gosta.

Anônimo disse...

Luciano Paschoa

ela disse que qualquer um pode enriquecer onde ela mora e ninguem liga e até acham bom, mas quando é um pregador falam mal. claro. Jesus nos ensinou a ajuntar tesouros no céu! a repartir nossos bens com os irmãos e os pobres! por isso é que as pessoas estranham pregadores enriquecendo. triste é que muitos "cristãos" não estranhem isso!

Anônimo disse...

é de se espantar com tais destorções da palavra de Deus, as pessoas inverteram os valores Cristão pregando uma falsa doutrina, materialista e egoista. Irmãos devemos orar sem cessar, a tendencia é piorar cada vez mais. ontem no estudo que tive sobre o apocalipse, foi o termino do livro, vi quão grande responsabilidade é pregar a respeito de Cristo, a gente trata o evangelho como algo qualquer mais não, o evangelho de Deus é Sagrado e precisa de pessoas comprometidas, serias e puras para anuciá-lo, Galera devemos ficar atento existe sim duas eternidades a vida eterna, e contenação eles esquecem de anunciar sobre santidade,lavura de vestes no sangue do cordeiro, pois somente atraves de uma vida santa entraremos no céu.. Cuidado o fim esta proximo e tem muitos se passando por " apostolo de Deus" "enviado de Deus" ungido de Deus" e sei lá das quantas.... Michael

CAT disse...

Depois ficam por ai perguntando? Por que tem tanta pobreza no mundo? Por que tem gente com fome?Claro,vai tudo para as mãos de alguns,que querem tudo pra si, e depois ainda tem a coragem de dizer que segue a Jesus.Ah! me ajuda ai!

Pr. Alexandre Nascimento disse...

Quero dar meu parecer sobre a afirmação a baixo:
Contudo, a Bíblia ensina na 1 João 1:8: “Se dissermos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e não há verdade em nós”. Quem está mentindo: O Apóstolo João ou Joyce Meyer?

Discordo plenamente da exposição de um texto isolado. Esse texto fora do contexto foi usado como pretexto. João não estava falando dopresente, mas sim do reconhecimento que todos nós devemos ter de nosso passado pecaminoso. Dois versículos antes João disse : Se dissermos que temos comunhão com ele, e andarmos nas trevas, mentimos, e não praticamos a verdade. Ora, andar em trevas é andar no pecado. Isso prova que o texto citado na matéria está fora do contexto. No decorrer da carta, João afirma que quem "vive pecando" é filho do Diabo (1 Jo 3:8). João também disse : E todo o que nele tem esta esperança, purifica-se a si mesmo, assim como ele é puro. Todo aquele que vive habitualmente no pecado também vive na rebeldia, pois o pecado é rebeldia. E bem sabeis que ele se manifestou para tirar os pecados; e nele não há pecado. Todo o que permanece nele não vive pecando; todo o que vive pecando não o viu nem o conhece( 1 jo 3 :3-6). Assim sendo, concordo com A Joyce em que o sacrificio de jesus nos libertou de todo o pecado, corroborando com a afirmação bíblica de que : "Não vos sobreveio nenhuma tentação, senão humana; mas fiel é Deus, o qual não deixará que sejais tentados acima do que podeis resistir, antes com a tentação dará também o meio de saída, para que a possais suportar. 1Co 10:13" A santidade é possível nessa vida!
Todavia, não concordo com a Joyce no que diz respeito a uma vida tão luxuosa. Creio que o primeiro passo de uma vida santa, seria uma vida desapegada das riquezas desse mundo. Quem é santo deseja as coisa permanentes,eternas, as transitórias só nos servem de tropeço e de escandalo caso não aja contentamento com aquilo que é simples e suficiente para estarmos felizes (1 Tm 6: 6-8).
Santidade ao Senhor, em todos os sentidos!

Anônimo disse...

Vao trabalhar seu bando de invejoso...
Agora todo mundo que prega o evangelho tem que viver uma vida miseravel...fala serio. O proprio Deus promete o melhor dessa terra para aqueles que o amam e obedecem...Nunca ouvi a Joyce pregando a teologia da prosperidade...vcs estao de olho no que ela tem hoje, mas nao viram o esforco que ela fez pra ter isso. Os livros que ela escreve sao os mais lidos nos EUA, vcs pensam que isso nao da dinheiro?? Haa vao se a merda...bando de invejoso.

Marcellino disse...

Se este blog fosse realmente imparcial ele também publicaria as mazelas e fracassos da Igreja Presbiteriana Americana, que no passado foi derrotada pelo Liberalismo e agora está ordenando ministros gays...que bonito hein? Isso vcs nao falam e nem debatem...Será que a Doutrina Reformada de CALVINO, A NOSSA SENHORA APARECIDA DOS PRESBITERIANOS, nao os livrou do liberalismo teológico e do homossexualismo???Vergonha!!!!

*Patricia* disse...

Já acompanhei pela tv vários programas dela, não sabia disso tudo, mas Deus vê e sabe de todas as coisas, no demais nem sei o que dizer é muita informação....por issos temos que ter conhecimento da palavra para não cairmos nas armadilhas astuciosas de pessoas enganadoras, se ela for assim Deus a julgará.

maria disse...

O meu casamento foi restaurado depois que comecei a ler alguns da Joyce eu nem a conhecia,tenho certeza de uma coisa Deus usa essa mulher para ajudar muitas vidas,agora se a riqueza dela não for honesta ela vai ter que prestar conta com Deus.Esse tal de genizah é evangelico?

Uyio disse...

João X Joyce Meyer é um confronto tão cabalístico (no sentido mágico de esplendor, não de magia, por favor) quando Pele X Maradona rsrsrsr

Mas aposto em João :D

Antonio Marcos disse...

PENTECOSTAL ADORA!...

Voutemos ao Evangelho disse...

Como uma comentarista disse,não é pecado ser rico mas aquele que sabe fazer o bem e não faz está pecando como diz na Palavra...E se uma pessoa dessa tem tanto dinheiro acumulado e não o gasta alimentando o faminto mas pelo contrário quer é tirar o pouco que eles têm usando um falso evangelho,não pode está pregando a verdadeira Palavra do Senhor onde Jesus diz pra fazer exatamente o contrário!!!

Anônimo disse...

É. Glória a Deus pelo fim dos tempos! Estou vigiando e em pé. Deus me sustentará e essa falácia de prosperidade me dá nojo. Aliás, prosperidade não se aprende com pastor nenhum. Se aprende TRABALHANDO. Independente de ser ou não crente em Jesus. Prosperidade material não tem a ver com vida espiritual. De forma alguma.

Rafael Junior disse...

Cada vez mais me convenço, que o negócio deste pessoal que prega, que se pôe como grande líder, até aquele que canta como os anjos, tem um único propósito: Não é salvação de ninguém, não é libertação solução ou cura. Tudo isto é só por causa do maldito do dinheiro que lhe entra no bolso.

Lidiane disse...

Quem presta pra vcs? Que tipo de visão vcs acham que Deus tem de vcs? Afffffffff

Anônimo disse...

Bom se as pessoas não podem prosperar com nada relacionado à palavra de Deus, podemos retirar esse site do ar, pois vejo muitas propagandas e por aqui, ou vocês fazem propaganda grátis para tudo que é anunciado no site. E não me digam que todos os recursos que entram aqui são para despesas do site. Parem de hipocrisia e repartam seus salários e seus patrimõnios com quem tem menos. Se é pra dividir o que se tem vamos começar por nós mesmos. A maioria aqui tem carros, casas, dinheiro (por menor que seja a quantia). Vamos vender tudo e repartir com os pobres. Sendo afortunado ou classe média os princípios são os mesmos né? Vender tudo e repartir (pelo menos para a maioria aqui). Parem com essa hipocrisia e inveja de quem prospera. Jesus disse que "o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males". E quem disse que pobre também não ama dinheiro?

Deus abençoe a todos!
Paz

Anônimo disse...

Esta pessoa(pastora???) esta praticando e pior convencendo a muitos, o que Martinho Lutero combateu em sua teses. Enriquecimento pela exploração da fé

Fernando disse...

Eu vi algumas pregações da Joyce e gostei (com ressalvas) mas as que eu vi não pregavam a teologia da prosperidade. Eu só achava que ela psicologizava demais o evangelho.

Henrique Daniel disse...

S U G E S T Ã O ! ! !

Gostaria que o genizah, assim como no caso da Joyce Meyer, falasse do ministério de pregadores considerados de linha conservadora. Qual o alcance de seus ministérios. O que eles tem feito para propagar o evangelho genuíno. Onde aparece o contraponto do verdadeiro evangelho, pregado por homens como John Piper e tantos outros, frente à este que chamamos de falso evangelho.Tentando ainda explicar um pouco melhor, porque eles prosperam tanto e se é possível ainda enxergar algo positivo no trabalho que estes fazem...?

celiaoliver disse...

Eu amo o meu pastor!!! E louvo a vida dele!! pastor responsável, fiel e sincero!! Sou abençoada por congregar em uma igreja responsável com a palavra de Deus e ter um pastor transparente, cuidadoso e super, super legal!!! Igreja batista Missionária Maanaim - Salvador/Ba Apareçam!!!!

Isis Naura disse...

É muito fácil criticar por causa do Liberalismo e da Ordenação de Homossexuais na igreja presbiteriana dos EUA, certo que isso é um erro sem tamanho, mas se compararmos a maioria que somente busca o $$ em cima de versículos distorcidos ao seu bel prazer quem tá pior? Porque pelo menos as providencias quanto a ordenação de gays no pulpito, pelo o que se sabe estão sendo tomadas, e o pessoal que é enganado constantemente por esses profetas do dinheiro, mal se vê providencia sendo tomada...e ai? Como que fica???

Cheia da tua graça disse...

Eu faço com a Joyce, com a Rebecca Brown e com vocês a mesma coisa, pego o que é bom, jogo fora o que é ruim. Aliás o blog de vocês, quando acerta é pra valer, mas quando dá pra falar besteira tbm, não fica atrás....kkkkkkk...
Na boa, vi uma pregação da Joyce a algum tempo, e ela justamente estava pregando contra a teologia da prosperidade, inclusive, falando sobre a palavra onde está seu tesouro aí está seu coração.

Anônimo disse...

bom....se ela ganhou 10 dolares por cada baboseira que ela escreveu....realmente ela deve estar milionaria!

agora eu fico pensando:quando ela chega naquela humilde casa...e deita em sua humilde cama...oque será que passa naquela cabeça???
será que nao ha ali, um pingo de vergonha???

Anônimo disse...

Amigos confesso que não consegui ler toda a máteria , pois meu estomago começou a virar.Qta besterira pra uma pessoa só. Dona Meyer está longe da Bíblia e com sua "visao" pessoal está levando um bando com ela.Leia I Pedro 3:19-20 e verás onde Cristo foi e o que fez na sua morte de 3dias.e qto a ser pecador lemos IJoao 1:8-9.A Bíblia é simples amigos..pra que complicar.

Anônimo disse...

Como pode um monte de "crente" ao invés de se preocupar com sua vida em Cristo, estão se preocupando com as outras pessoas...Creio que Cristo não nos chamou a crítica, mais nos chamou para viver uma vida santa. Acorda ai meu irmão...

Rosimar disse...

Li todos os comentários, achei interessante como a mente humana é diversificada, graças a Deus por isso, já pensou se todos pensassem a mesma coisa, não teria graça. Mais acho que algumas pessoas falam do que não conhecem. Sou membro da IPB desde que nasci, sirvo ao meu Senhor Jesus, cada dia peço a Ele que me faça uma pessoa que Ele quer eu seja, peço a Ele que cada dia me dê o desejo de ler a palavra dEle e orar em todo tempo, quero ter uma vida de íntima comunhão com Ele, sentir o cuidado dEle comigo e com minha familia. Mais fico triste de citarem que na IPB, fumam e bebem cerveja, que a Igreja Presbiteriana Americana está ordenando homosexuais, mais acho que quem disse isso não é bem informado, pois a Igreja Presbiteriana do Brasil se desvinculou da IP Americana a muito tempo, e não acceita pessoas com vícios de bebida e cigarro como membros comungantes, as pessoas para serem membros na IPB tem que fazer um curso especial e passam pelo Conselho da igreja, que são homens escolhidos e eleitos por uma assembleia da igreja. E quanto as diversas citações da senhora Joyce Meyer, li recentemente o livro dela entitulado "7 coisas que roubam sua alegria", e posso dizer que fui muito abençoada com a leitura do mesmo, me ajudou bastante, até porque ela escreve e basea suas ideias nos versículos da Bíblia. De uma coisa eu ja tinha certeza, de que fui alcançada com a graça do Senhor Deus, e creio firmemente na minha salvação através de Cristo Jesus e isso que é importante. Pois cada um vai se apresentar diante do Pai, e o que tens nas mãos para apresntar a Ele. Que Deus tenha misericordia de nós, pois sem Ele nada somos e nada podemos fazer.

Anônimo disse...

QUEM PREGA POBREZA E ARELIGIAO DOMINANTE NOS PAIZES DA AMERICA DO SUL PRQ NEM NOS PAIZES DESENVOLVIDOS ESSA RELIGIAO PREGA A POBREZA CRENTE Q ODEIA PROSPERIDADE QUER DESCULPA P/ NAO DIZIMAR E OFERTAR SEM CONTAR A INVEJA DE QUEM E PROSPERO VAMOS PARA OS MORROS HOSPITAIS PRESIDIOS E RUAS GANHAR ALMAS EM AO INVES DE FICAR FALANDO DOS OUTROS DEUS NAO PPRECISA DE FISCAL DE SUA OBRA NINGUEM FICA NO INGANO A VIDA TODA QUEM TE M O ESPIRITO SANTO ELE testifica onde esta a verdade basta olharmos pra dentro de nos e ver se realmente ouve a mudanca iterior e nao o tamanho da saia ou do cabelo.

Anônimo disse...

lourdes e meu nome

Anônimo disse...

Mas parecem OS CRIADORES DE CONTENDAS

Anônimo disse...

Para quem escreve neste site, querido antes de julgar, coisa que o Senhor não conferiu a ninguem, vai orar, não perca seu tempo escrevendo e falando mal das pessoas, ainda que estejam erradas cabe ao Justo Juiz que é o Senhor Jesus julgá-las. Quanto a nós cabe viver retamente e anunciar o Evangelho porque os dias são maus. E se a nossa justiça não superar a dos escribas e fariseus não entraremos no Reino dos céus, por isso cuidado ao julgar!!! Ore é a melhor coisa que você pode fazer, e se acha que estão pregando errado, pregue e viva o certo que é a misericórdia de Deus. Deus o abençoe saiba que você está em minha s orações

Anônimo disse...

Joyce é uma mulher de Deus e eu a adimiro muito.QUANDO PRECISEI ser pastoreada O Senhor a usou poderosamente em minha vida.E,ainda hoje sinto o Senhor falando ao meu coração através da vida dela.Devemos entender que Deus usa pessoas imperfeitas para seu perfeito aparecer.O homem sem ser perfeito já se julga capazde está desrespeitando uma mulher dessa cheia de experiência para dá.Satanás caiu devido a inveja de Cristo.Eainda hoje as pessoas vivem de ter inveja umas das outras.q pena.

kelrem disse...

Joyce é uma benção, e Deus através de sua vida tem abençoado outras familias, Incrivel as pessoas que são Milionárias aí no mundo o povo não se incomoda, agora quando é um evangelico que é próspero as pessoas começam a criticar. Uma coia é certa que quando uns estão na benção as pessoas sentem Inveja disso. Que Deus abençoe ainda mais a vida dela, pois é uma mulher muito sábia. É ASSIM,QUEM SE dispõe a fazer a obra de DEUS por amor, o diabo levanta-se para destruir, mas quem esta derrotado é ele.

Matheus Pedroso disse...

Vi muitos argumentos, e nenhum me convenceu, metade aqui são pessoas frustradas em seu ministério, é triste saber que existem "crentes" assim, diferentemente de muitos "imaturos e criticadores", eu vou orar muito por vocês, que Deus abençoe a cada um.

Jackie A. disse...

Vivemos tempos do fim...é preciso encarar...as pessoas amam ouvir o que satisfaz suas cobiças, se identificam com isso..e até pagam pra isso.Jesus trouxe um evangelho completamente diferente do que é pregado atualmente.Pregou para os pobres e para os que queriam de fato assumir uma vida de renuncias, cristianismo é sim vida de Renuncia, agora hoje existe um Outro "Cristianismo" que se alegra com as coisas deste mundo,aplaude quem consegue a chamada prosperidade, isso só reflete o que vai no interior dos crentes de hoje...Jesus não teve uma vida abastada, nem os apóstolos tiveram, nunca foi este o tema da sua pregação.A Igreja cristã esta contaminada -misturada com o mundo, não mais se identica como cristã, ficou muito igual....é triste. Não é uma questão de se incomodar, de não admirar a fortuna da Joyce, é uma questão do que é Ser cristão e do que é ser do mundo....Voltemos ao Evangelho......a palavra ....Jesus disse:"Errais por não conhecerdes a Escrituras , nem o poder de Deus">>>>

Sabrina disse...

Interessante: o Eike Batista é milionário, mas todos atribuem seu sucesso a muito trabalho.
Agora se um crente for um milionário, significa que é ladrão, chalartão e tudo mais.
Quanta hipocrisia!
Dúvido que se eu quisesse doar 01 milhão de reais, a título de oferta, você não aceitaria.
Aí vc pode questionar: 01, 02 ..10 milhões é muito dinheiro. E daí? Pode se rmuito dinheiro para mim, para vc..mas para o Eike, por exemplo, pode significar 30% de seu salário. é portanto, algo relativo, depende da condição econômica.
Como foi bem lembrado aqui, Joyce NÃO É PASTORA, ela e escritora e mestra. No seu livro "o segredo da felicidade" ela fala da questão dos bens, de não darmos valor demasiado!
A bíblia fala que conhecemos as árvores pelos seus frutos, e só posso dizer, pelo que conheço, que o ministério Joyce Meyer tem ajudado milhares de possoas.
Agora esses ministérios de julgamento, condenação, falar mal dos outros, poucos frutos vejo.
Por que será?

Anônimo disse...

É FEIO O QUE ELA FAZ? E O QUE FIZERAM NESSA MATÉRIA, DIFAMANDO ALGUÉM AO INVÉS DE AMA-LA E ORAR POR ELA... É BONITO? AGRADARIA A CRISTO?

VALE PENSAR...

Anônimo disse...

Obedecer a Deus está incluído a mensagem da Cruz, arrependimento e amor ao próximo... é um absurdo essa matéria distorcer as palavras da Joyce Meyer, enganando os leitores. Ai daqueles que falam dos servos de Deus e causam escândalos como o Genizah tem feito. Que Deus tenha misericórdia! Cada pastor prestará contas diante de Deus!

Unknown disse...

É igreja, pode glorificar que o bagulho é sinistro!!! E, segundo os da prosperidade, o melhor de "deus" pra eles ainda está por vir....

Anônimo disse...

Quantas críticas, os crentes são especialistas em julgar e criticar, nada parecidos com Cristo. É um cristianismo sem Cristo.

Digno é o obreiro do seu salário, por tantas pessoas ajudadas, ela merece ter uma vida abundante sim. MAs, Se Ela tem agido de má fé e vivido d maneira desonesta, com certeza ela irá ter a recompensa no dia certo de Deus e eu e vocÊ não somos juizes pra julgar isso.

Agora crentaia vamos parar de Inveja.

Falam tanto das heresias da Joyce, mas não acordaram que a maioria das igrejas evangélicas não passam de uma igreja católica disfarçada. Idolatram seus apóstolos, seus cargos, seus tapetinhos ungidos.

Vamos AMAR a DEus MAis, respeitar o próximo e fechar a boca.

Indesistível.Com disse...

Genizah! Não só faço críticas as matérias de vocês, essa portanto merece todo o respeito, porque vocês apontaram fatos, sem julgamentos, de forma que cada uma faça sua interpretação, gostei muito dessa matéria, e assim que se faz. Parabéns, apesar de achar muito luxo dessa pastora, eu acho muito bonita, e sei lá, cada um vai prestar contas a Deus, ma foi bem legal a forma como foi exposto fatos que envolvem esse ministério. Abraço.

Anônimo disse...

Irmãos não julgueis para não serem julgados... (biblico). Não sei porque se importar tanto com a vida dos outros, pois o julgamento cabe a Deus e não aos homens. Todos nós somos falhos e quem não tem pacado que atire a primeira pedra. Deus os abençoe. Um grande abraço
Regina

Anônimo disse...

Geneziah??? Devia se chamar O Acusador ou melhor Roubando o lugar de Satanás, afinal nestas horas ele mesmo tira ferias, com tantos fazendo seu trabalho, quem precisa de demônios. Deixem Deus ser o Juiz, Jesus o Advogado e Satanás o Acusador ficar com seu trabalho, afinal todos seremos julgados, condenados ou absolvidos, pelas palavras, obras e condutas e aí dos mestres estes serão cobrados de uma forma mais severa.

atos disse...

Conforme a bíblia já previa esses são pregadores que as pessoas ajuntam para sí conforme suas própias concupiscêcia, estão ganhando o mundo mais perdendo suas almas.

marcia disse...

Ok, achei interessante o comentario e gostaria de comentar a materia. Moro nos USA e assisto o programa dela juntamente com outros e fiquei me perguntando, a mesma menssagem que foi descrita aqui e a que ouco? Pq teologia da prosperidade e algo bem implicito como varios exemplos que conhecemos. Como varios pastores aqui, a venda de livros e videos faz parte do sustento pessoal. O que vai p/ o ministerio e usado no ministerio. Ela, Joel Osten sao campeoes de vendas aqui, voce encontra livros a venda nos supermercados, diferente do Brasil.
Com relacao a estar sendo checada p/ manter a isencao dos impostos, ela nao e a unica. Na administracao Obama, que e contra esta isencao, toos os ministerios estao sendo checados. Isso faz parte da agenda deste presidente que nao gosta de cristaos e todos por aqui sabem que muito provavelmente e mulcumano. Nao estou defendendo o luxo, particularmente acho desnecessario, mas se e comprado com o dinheiro que ela faz vendendo os livros, problema dela. De tempos em tempos esse tipo de noticia corre por aqui. Alguns realmente sao desta linha..."mande sua oferta e sera abencoado..." nunca vi ela fazendo isso. Pelo menos nao na versao em ingles que eu assisto, talvez na traducao isto esteja acontecendo...

marcia disse...

Minha sugestao....uma traducao melhor das pregacoes e livros....talvez isto tire alguns dos maus entendidos que vi serem comentados aqui neste blog...

Postar um comentário