681818171876702
Loading...

Comentários do Pr. Altair Germano acerca da entrevista concedida por Marco Feliciano a Danilo Fernandes do Genizah

Em entrevista ao Danilo Fernandes do blog Genizah e ao portal Creio, o pastor Marco Feliciano fala sobre Gideões Internacionais, teologia da prosperidade, apóstolos e patriarcas, política, pregadores pentecostais, etc.

Entre as suas declarações, reconhece alguns erros e exageros, diz que já fez meninices e falou asneiras no púlpito, e credita estas coisas a falta de experiência, e ao fato de não ter tido um mestre, líder e pastor que lhe aconselhasse.

Achei importante essa entrevista, pois ajudará a muitos que por ele foram influenciados de forma negativa (pelas meninices feitas e asneiras faladas), a mudar de comportamento, e assim como ele, assumirem os seus erros e caminharem no sentido de pregar a palavra com simplicidade e no poder do Espírito, sem precisar de nenhum tipo de apelação.

Como já escrevi, oro pelo contínuo crescimento em graça e sabedoria do pastor Marco Feliciano. Oro também, por todos os pregadores pentecostais, para que entendam o real significado deste termo, buscando na Palavra de Deus o fundamento para o exercício de seus ministérios.

Ao pessoal do Genizah, amados por uns e odiados por outros, deixo o meu abraço, desejando também que continuem crescendo, buscando sempre a moderação em tudo, pois esta é a postura daqueles que desejam glorificar a Deus.





Comentários de Danilo

Fica portanto, o próprio reconhecimento do Pr. Marco Feliciano da enorme importãncia do investimento na educação dos pastores e líderes, tendo ele próprio galgado seus degraus sem contar com apoio instituicional, alcançando grande prestígio, aprendendo no caminho. O que é admirável, em que se pesem os erros nesta conta, naturalmente.

 Foram tempos heróicos. Hoje, a AD investe fortemente em formação de seus líderes.
Lembrando que o nobre Pr. Altair é nosso fraterno companheiro de web cristã e é Vice-Presidente do Conselho de Educação e Cultura da CGADB e Relator do Conselho de Doutrina da UMADENE, tendo, portanto autoridade para tratar do assunto.

Tendo tido a oportunidade de conhecer o Feliciano de perto confesso que encontrei um homem com chamado e vontade de acertar. Digo isto, correndo o risco de tomar pancada, mas foi o que eu senti. Contudo, se assim, não for, nosso amigo está avisado que aqui não se alivia nada, ou como diziam os romanos:

Qui refresquis fundilhos patus laguna est

Ops!

Teologia 3529881288816045777

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail