681818171876702
Loading...

Jovem maliciosa que acusa Marcos Feliciano tentou enredá-lo com fotos sem roupa e ameaças



Novos prints de conversas do telefone de Patricia Léllis revelam que a "moça"agia para comprometer o deputado enquanto lhe enviava mensagens inapropriadas e fotos sensuais


Não foi por falta de aviso. Quando todos estavam malhando Marco Feliciano feito um judas, Genizah foi contra à maré e em favor da verdade e mostrou as incoerências das denuncias feitas por Patricia Lellis. Em troca, recebemos todo o tipo de xingamentos e ameaças por parte de um grupo que gosta de jogar pedras antes de procurar conhecer a verdade. Servem à mentira compartilhando calúnias e acusando antes mesmo de terminar de ler as manchetes. 

Aqui, erramos, como qualquer um, mas o erro de não apurar e não dar voz ao contraditório, estes não cometemos. 

Genizah já defendeu até o Malafaia quando percebeu que este tinha razão em determinado evento, bem como, já acusou um ex-pastor do editor do site e um colaborador de anos deste mesmo site quando constatou que dois estes erraram. Seguiremos assim, ou não seguiremos. 


Pior do que a loira do filme Atração Fatal



Novos prints de mensagens obtidos no telefone de Patrícia Lellis, revelam a origem dos primeiros prints editados e manipulados pela própria Léllis para incriminar o pastor Marco Feliciano. A seguir, vemos toda a conversa, sem cortes. Retirada da fonte: o celular de Lellís. O resultado desnuda o comportamento de uma pessoa desequilibrada, uma mente maliciosa e mentirosa que procura enredar o pastor Marco Feliciano em para uma conversa intima e, ao ser devidamente cortada pelo pastor passa a ameaçar seu interlocutor com a criação de um enredo fantasioso.

Estas atitudes somadas às fotografias sensuais enviadas por Patricia Lellis ao celular de Feliciano enfraquecem muitíssimo a sua denuncia de tentativa de estupro e abuso.  Lellis se comporta como a típica biscate. 

Já em outro âmbito do caso, a segunda denuncia feita por Lellis envolvendo cárcere privado e ameaça acusando o assessor de Marco Feliciano, Talma Bauer, esta já foi descartada (LEIA AQUI). O delegado do caso reverteu  a denúncia e agora investiga a própria Patricia Lellis por extorsão.

O bote da jararaca


Os prints abaixo retratam o momento de aproximação entre Patrícia e Feliciano.

Percebe-se claramente que a Patricia cria situações para forçar uma intimidade com o Feliciano. 





Do nada, Patrícia Lellis parte para uma conversa íntima que não tem espaço neste meio de comunicação. 


E em outra investida, passa a sensualizar descaradamente. Isto não é coisa incomum. Muitos pastores relatam este tipo de investida por parte de mulheres de sua membresia. Patrícia, contudo, é bem atrevida para quem acaba de conhecer alguém.


Feliciano acusa o atrevimento.





A partir dai, Feliciano corta a conversa e pede respeito.


Crente do rabo quente


Entretanto ao se sentir rejeitada a crente do rabo quente passa a ameaçar o objeto de sua sedução, transformando-se na versão pentecostal de Glenn Close, no Filme Atração Fatal. Dai por diante, seu objetivo óbvio é conseguir a atenção e as vantagens que pretendia obter do político famoso, não pelas vias da sedução, mas da extorsão pura e simples.

Patrícia tem 22 anos. Imagine o perigo quando for mais velha.









Notícias 6889231122804304977

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail