681818171876702
Loading...

A igreja da incerteza e o pecado da homossexualidade



PUNIÇAO OU PERDAO?


+ William Mikler

Os defensores do liberalismo teológico insistem em tentar justificar o pecado e, ao fazê-lo, se afastam dos Princípios das Sagradas Escrituras.

Um dos erros mais crassos pode ser observado na tentativa de certas denominações protestantes liberais e de "evangélicos progressistas" de justificar as uniões homossexuais, que são em qualquer caso pecaminosas.

O evangelho liberal é um falso evangelho. Deus nunca justifica o pecado. Ele o castiga ou o perdoa, sempre de acordo com o verdadeiro evangelho.

O verdadeiro evangelho declara que Deus, embora nunca justifique o pecado, sempre justifica os pecadores que se arrependem de seus pecados e colocam sua confiança obediente na graça misericordiosa do Senhor Jesus Cristo.

O verdadeiro seguidor de Jesus Cristo, que ama verdadeiramente o pecador, jamais irá lhe oferecer o falso conforto de um falso evangelho. Se o fizer, não estará agindo em misericórdia, ao contrário. Ao abandonar o pecador em seus pecados, contribui para deixá-lo em risco de juízo eterno. E T E R N O.

Aqueles que amam verdadeiramente os pecadores, e por eles tem misericórdia, apresentam a estes a graça genuína que leva ao arrependimento, o perdão e a uma vida de santidade, de acordo com o verdadeiro Evangelho.

"Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna" (João 3.16 NVI).

O evangelho genuíno testemunha acerca do preço do pecado e do perdão.






Teologia 2112865157806815719

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail