681818171876702
Loading...

Gol de Placa: A parabola do testemunho edificante.



O pastor chegou da igreja cansadão depois de um domingo cheio de atividades e desabou na poltrona para dar aquela relaxada e liga a TV justo no momento em que se mostrava o gol mais bonito da rodada. O repórter perguntou ao autor da jogada como ele conseguira fazer aquele golaço. ‘Pois é! Eu chutei e graças a Deus foi gol. ’

Puxa vida, eu não sabia que esse cara era crente’, exclamou o pastor empolgado no sofá. ‘Tenho que trazê-lo para dar uma palavra na minha igreja.’ 

Não sossegou enquanto não arrumou um diácono que era amigo da irmã da prima da cunhada da madrinha da filha da sogra de um vizinho do jogador. Mesmo informado de que o craque não era tão bom de fé quando te bola, o pastor nem quis saber e pôs faixas de convite no bairro inteiro. No domingo, a igreja estava lotada. 




Depois de 16 apresentações especiais, o pastor se levantou e, orgulhosamente, apresentou o grande pregador da noite. O atleta que, até então, só sentava no último banco da igreja, subiu ao púlpito acabrunhado e desejeitado. Engoliu em seco ao encarar de frente a multidão, mas resolveu enfrentar a situação. Respirou fundo, deu uma ajeitada na gravata que nunca tinha usado e começou: 

‘Bom, meus irmãos, eu vou contar para vocês a parábola do bom samaritano. Amém?’ A congregação respondeu em coro: ‘Amém.’ O artilheiro, ganhou moral com o eco favorável da torcid...

(Sermão) 

‘Um homem descia de Jerusalém para Jericó quando caiu numa plantação de espinhos que começaram a sufoca-lo. Tendo saído da incircuncisa situação, ele gastou todo o seu dinheiro até ficar pobre, a ponto de comer a comida dos porcos numa fazenda. Foi então que ele encontrou a rainha de Sabá, que lhe deu um prato de lentilhas, cem talentos de ouro, vestidos brancos e um cavalo. Ao prosseguir se enroscou numa árvore e o homem ficou pendurado por muitos dias, mas os corvos lhe trouxeram comida e água, de sorte que o homem comeu cinco mil pães e dois peixes. Uma noite, quando estava suspenso, Dalila, sua mulher, chegou e sorrateiramente cortou seus cabelos. O homens caiu em pedregais escorregadios, mas levantando-se andou. Então choveu quarenta dias e quarenta noites e homem escondeu-se numa caverna, onde se alimentou de gafanhotos e mel silvestre. Saindo, encontrou um servo chamado Zaqueu, que o convidou para jantar. Mas o homem desculpou-se dizendo que não podia porque havia comprado uma manada de porcos perdidos como ovelhas sem pastor. Foi então que um leão faminto comeu os porcos, mas Golias derrotou o leão com uma funda e mostrou ao homem o caminho que levava para Jericó. Ao aproximar-se das muralhas da cidade, ele viu Jezabel na janela. Mas, ela riu. Indignado, o homem bradou em alta voz: Lançai-a fora! E eles a lançaram fora setenta vezes sete. Dos fragmentos foram recolhidos dozes cestos e disseram: Bem-aventurado os pacificadores. Portanto, irmãos, na ressurreição dos mortos, de quem será esta mulher?’

Encantados, muitos da igreja aplaudiram. Na saída, alguns pediram autografo e, de outros, o pastor ouviu: ‘Eu não entendi nada do que ele pregou, mas foi uma bênção!Ai, você falou ao meu coração!’, suspiraram algumas garotas da igreja.

Feliz como quem marca um gol de placa o craque foi para casa achando que era um novo Billy Graham. 

Qualquer semelhança com a realidade não é mera coinsidência.





Autor : Alex Dias Ribeiro (?) Segundo informações de um leitor.
 Mandou  o pastor  Cleudson Gomes Correa












 
Artigos 4942857131580923297

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail