681818171876702
Loading...

Marco Feliciano mandou prender duas sapatas que estavam se pegando no meio do culto







Quer saber? Achei muito certo. 
A atitude das duas vadias (de quem se dá a vadiagem, como é o caso) foi uma  provocação deliberada e o objetivo era mesmo  perturbar o culto, interferir no nosso exercício religioso, perturbar a ordem pública e promover violento desacato ao pudor em ambiente de celebração religiosa.
Então, enquadra mesmo. Prende!
Ninguém é obrigado a conviver com safadeza. Se alguém vai a um festival qualquer regado a bebida e tóxicos e assiste a um lance destes, deve até mesmo que se calar... Queria o que
Agora, o crente vai num culto e tem de suportar esta baixaria... Faça me o favor! Vão se lascar!
E o povo no culto foi correto e agindo segundo a lei e as Escrituras. As duas mulheres tiveram a sua integridade física respeitada e não foram ofendidas, apesar de terem ofendido.
Muito diferente do que acontece quando um grupo de crentes, neste caso, igualmente equivocado, decide protestar diante de um evento do ativismo gay. Nestas ocasiões,  ao contrário do vemos neste vídeo, quem protesta acaba tomando porrada, sendo cuspido,recebendo tomate na cara e sendo chamado de fundamentalista,  como já aconteceu algumas vezes! 
Então é bom que o povo de Deus seja de Paz e receba a ofensa como bons cristãos, 
contudo...
Isto não nos faz cidadãos de segunda classe. Temos os nossos direitos e clamamos por justiça.
Então, quem decide protestar desrespeitando a lei, que sofra as consequências...


Claro, a menos que você seja autoridade, neste caso, cabem os embargos infringentes...








 

gays 34593828006907744

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail