681818171876702
Loading...

ALARGUE O SEU OIKOS

Sarah Catarino

Há um termo no Novo Testamento que descreve como funciona o nosso círculo de relacionamentos. De facto este termo mostra a pedra básica do edifício da sociedade humana. É a palavra que se refere à comunidade e na nossa Bíblia, é traduzida por casa. Por exemplo, quando Pedro diz em Actos 16:31:”...serás salvo, tu e a tua casa”.

O termo grego é oikos.

O oikos onde nós vivemos, não comporta muita gente. Podemos conhecer até centenas de pessoas, mas tempo de qualidade, só é gasto com muito poucas pessoas. Por isso os nossos relacionamentos, as nossas amizades fora do nosso oikos, são casuais.

É raro encontrar uma pessoa que tem mais do que 20 pessoas no seu oikos, o máximo são 9 e uma grande percentagem não desenvolveu nenhum relacionamento novo nos últimos seis meses.

A vida humana é feita de cadeias infinitas de ligações oikos. Em todas as culturas, a intimidade destas ligações é considerada sagrada e a segurança do indivíduo reside na afirmação que recebe daqueles que são significativos no seu oikos.

Jesus Cristo era perito não apenas em relacionamentos intencionais, mas em invadir os oikos das pessoas do Seu tempo. Ele entrava nas “casas”, umas vezes convidado, outras sem ser convidado e mesmo quando O convidavam, confundia a tradição daquela família, curando, libertando, abençoando todos os que vinham a Ele, não apenas os da família que O recebia.

E se todos víssemos o potencial que há em nós para que a nossa casa, o nosso oikos se alargue, para podermos consolar outros, ajudar outros, falar de Jesus a outros, orar por outros, estender uma mão amiga a outros, limpar as lágrimas a outros?

Se insistir em dizer: “Não sou capaz, não tenho muito jeito, tenho receio que não me aceitem”, nunca vai experimentar a alegria que é dar-se a si mesmo e saber que alguém ficou mais feliz por sua causa...

Alargue o seu oikos, hoje!


Sarah Catarino colabora com o Genizah







 

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail