681818171876702
Loading...

Deus não faz Distinção


Manoel d.C

Ora, Deus, que conhece os corações, lhes deu testemunho, concedendo o Espírito Santo a eles, como também a nós nos concedera.

E não estabeleceu distinção alguma entre nós e eles, purificando-lhes pela fé o coração.

Para Deus não há distinção de pessoas. Essa é a grande pegada do Evangelho, diferente de qualquer proposta até então. Antes as religiões e ideologias eram exclusivas. Agora, se abre uma boa notícia de que qualquer pessoa seja de que tipo, raça, casta, título ou estilo tem livre acesso a Deus. Sem rituais de iniciação, sem degraus de regras a subir, se crê, já faz parte do grupo, da igreja, do corpo, sem qualquer barreira ou pré-requisitos para ser aceito.

Paulo e Barnabé trazem um empolgante relatório da primeira viagem missionária à igreja-mãe de Antioquia.

Mas como sempre soi acontecer em meio às coisas boas da vida, sempre vem oposição e inveja em contraposição.

Alguns indivíduos desceram da região da Judéia e começaram a minar as boas notícias que a salvação é pela graça unicamente com um ensinamento legalista judaizante:

— “Se não vos circuncidardes segundo o costume de Moisés, NÃO PODEREIS SER SALVOS”.

Que petulância desses judeus, se julgando os porteiros do céu dizendo quem Deus pode salvar ou não... Parece até alguns crentes dos nossos tempos!

Houve uma reunião com os apóstolos e líderes da igreja em Jerusalém que se envolveram em um debate caloroso.

Pedro, quando o Espírito Santo se derramou pela primeira vez sobre os gentios na casa de Cornélio teve a visão do lençol do nivelamento entre judeus e gentios e já havia entendido que verdadeiramente Deus não exclui ninguém (At10.13,15 ;10.34,35) se levantou com sua intrepidez peculiar e declarou uma das verdades mais cristalinas das Escrituras:

Deus não faz acepção de pessoas. Deus deu aos gentios a mesma graça que concedeu aos judeus que creram. E não estabeleceu distinção alguma entre os dois grupos. Agora são um só em Cristo.

A GRAÇA INCONDICIONAL INCLUI, TRATA BEM E ELEVA AS PESSOAS SEJAM ELAS QUE FOREM, E ARREBENTA COM QUALQUER JUGO DE DISTINÇÃO EM QUALQUER NÍVEL QUE SEJA!

— Hoje reflita sobre essa poderosa e libertadora verdade. Deus não faz acepção de pessoas.

— Se você se intitula um seguidor de Jesus, e dá tratamento preferencial somente às pessoas que simpatiza, e já viu que fez ou faz bulling com alguém, ou faz perseguição silenciosa, ou é indiferente, ou cria distinção de alguma forma, em relação a pobres, religiosos de outros credos, negros, índios, feios, especiais, obesos, magros, sedentários, undergrounds, iletrados, está na hora de questionar seu cristianismo, se converter de uma vez por todas, confessar, se arrepender sinceramente, para depois refletir em sua vida as virtudes de seu Senhor.

Se Ele não faz, porque você haveria de fazer?




Meditações no livro de Atos
Texto: At15:8,9




Manoel do Carmo Filho é colaborador do Genizah







 

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail