681818171876702
Loading...

Manifestantes pelo Brasil protestam contra deputado Marco Feliciano

Integrante do Femen Brasil participa de manifestação no Rio de Janeiro. 
(Foto: Christophe Simon/AFP)


Grupos de manifestantes protestaram neste sábado (16) contra nomeação do pastor e deputado federal Marco Feliciano (PSC) para a presidência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara.

Manifestação no Largo da Catebral, em Campinas,SP. 
(Foto: Uéber Rosário/Futura Press/Estadão Conteúdo)


Em São Paulo, a manifestação aconteceu na Avenida Paulista, na região central da capital. Houve protestos também em Campinas, no Largo da Catedral, e em Piracicaba, em frente ao Terminal Central de Integração (TCI).

Protesto realizado na cidade de Florianópolis, SC.
(Foto: Eduardo Valente/Futura Press/
Estadão Conteúdo)

No Rio de Janeiro, manifestantes se concentraram na praia de Copacabana para protestar. Segundo os organizadores, a passeata contou com a participação de grupos de religiões africanas e de integrantes do Femen Brasil, entre outros movimentos sociais.


O Femen é um movimento que nasceu na Ucrânia  e hoje já se encontra internacionalizado. 
O seu objetivo é o extermínio de práticas como Turismo sexual, 
exploração sexual de adultos e crianças e sexismo.

Manifestantes se concentraram na Avenida Paulista (Foto: Nelson Antoine/Foto Arena/ Estadão Conteúdo)

Em Florianópolis (SC), um grupo de pessoas se reuniu na Praça XV segurando cartazes com mensagens contra parlamentar. Outra mobilização aconteceu em Salvador (BA), na praça do Campo Grande, com a participação da banda afro-brasileira Olodum.

O deputado é alvo de protestos porque, em 2011, postou mensagens polêmicas em redes sociais sobre africanos e homossexuais. Ele é alvo de ação penal no Supremo Tribunal Federal por estelionato e de inqúerito no qual foi acusado de discriminação por frase supostamente homofóbica.

Outros protestos ao longo da semana


Integrantes do movimento das Lésbicas, Gays, Bissexuais e Travestis (LGBT) de Maceió (AL) fizeram um protesto em frente à Assembleia Legislativa de Alagoas na tarde de sexta-feira (15) contra a eleição de Feliciano (PSC-SP) à presidência da comissão.

Em Manaus, representantes da sociedade civil e da classe trabalhadora protestaram na sede da Assembleia Legislativa do Amazonas na quinta-feira (14).

Em Rio Branco (AC), manifestantes realizaram um "velório" em frente ao Palácio Rio Branco, no centro da capital. "Estamos de luto pelos direitos humanos no Brasil", disse Germano Marino, presidente da Associação dos Homossexuais do Acre.

Feliciano (PSC-SP) cancelou a gravação de seu programa de televisão semanal, que aconteceria durante um culto evangélico na próxima segunda-feira (18), em Ribeirão Preto (SP), após ser alvo de protestos na cidade. A cerimônia religiosa, no entanto, será mantida. Na última segunda-feira (11), cerca de 300 manifestantes se reuniram em frente à catedral da Assembleia de Deus Avivamento da Fé, igreja liderada pelo deputado, em Ribeirão.




Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail