681818171876702
Loading...

Evangélicos em campanha contra 'O Canto da Sereia'. Figurões da Globo respondem


Trama que aborda bissexualidade e candomblé é a próxima vítima dos evangélicos


O pastor Divino Aleixo Marinho, da Igreja Pentecostal Betel Palavra de Fogo, começou uma campanha contra a minissérie global na sua página do facebook e já é destaque em algumas mídias.

Ele declara que é contra o bissexualismo da personagem e das referências religiosas que serão mencionadas na trama. 

O pastor cita temas como bissexualismo, Iemanjá, canibalismo, televisão, etc. Ele diz que as mídias estão querendo acabar totalmente com o cristianismo por causa dos escândalos de falsos pastores.

Confira o texto da campanha do pastor Divino Aleixo:

“Eta globo que n desiste … Mas estamos aq pra isso pra sermos profetas e denunciar o pecado… medite neste estudo mas leia com atenção 
Personagem de Isis Valverde em ‘O Canto da Sereia’ será Bissexual
LEIAM E PARTILHEM É UMA CAMPANHA EM MASSA IGUAL A DA NOVELA OK?
A minissérie ‘O Canto da Sereia’ agora é Oxum (Iemanjá) estreará em Janeiro na Rede Globo.
A trama trará em seu enredo um assunto pouco visto pelos telespectadores: O BISSEXUALISMO. Quem estará à frente do tema será Sereia, uma cantora de axé, protagonista da série, que será interpretada pela atriz Isis Valderde.
Na trama, Sereia se relacionará com homens e mulheres e viverá momentos intensos de paixão. “Ela é livre sexualmente”: diz Isis Valverde. O primeiro amor de Sereia será o produtor musical Paulinho de Jesus, interpretado por Gabriel Braga Nunes. Paulinho será o responsável por descobrir o talento oculto da cantora. Pouco tempo depois, ela passa a namorar sua empresária Mara, vivida por Camila Morgado.
Curioso o fato de a atriz Isis ter o mesmo nome da deusa Isis que é personificada pelas deusas romanas, gregas, Olímpio, Atenas, que são todas na verdade:
Semíramis;
Astarote;
Diana;
Afrodite;
Iemanjá e Oxum.

Todas elas são uma só: Eva endeusada pela serpente no Jardim do Éden”



Glória Perez, autora e supervisora  da microssérie, reclamou da campanha em sua página do twitter a considerando absurda. Ela lembrou que “Salve Jorge” também sofreu com esse tipo de manifestação. 



Também indignado com manifestação contra a minissérie, Walcyr Carrasco, um dos grandes novelistas da emissora, deu sua opinião em seu perfil no Twitter. “Vamos lutar por liberdade de criação. Digam não à campanha contra o #Canto da Sereia”, escreveu o autor, que será responsável pela próxima novela das nove da Globo. 

“Seja católico, evangélico, budista, espírita ou rosacruz como eu, a fé transforma. É sobre isso que vou falar na novela. Meu tio era pastor presbiteriano e meu primo missionário na África. Falarei com amor sobre os evangélicos”, adiantou ele.


Com informações iG/Almanaquedatv/Yahoo/Tribuna Hoje  







 

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail