681818171876702
Loading...

Ué? Serra vai em parada gay? E por que o apóstolo Pedro não frequentava os bacanais romanos?

Antonio Campos/FotoRepórter/AE

Danilo Fernandes



Kassab tá felizão, risos! 

E o Malafaia, por que não funicou o Serra? 

Em não sei quem tem o kit gay mais feio: Serra ou Haddad (a opinião de Malafaia sobre o assunto, ele que a enfie onde o sol não bate!), mas não tenho dúvida alguma sobre quem sejam os hipócritas nestas eleições!

Não é a agenda gay e, tão pouco, os pastores que definem meu voto. Meu voto é cidadão: Saúde, segurança, educação, assistência social, cultura, saneamento, trânsito, justiça, emprego, economia e outras questões me importam. 

Dos valores da minha família, da educação sexual dos meus filhos, da minha vida espiritual, cuido e decido eu. Governo não apita nestes assuntos! Nunca apitou. Nem governo e nem mídia. O que se passa na "Avenida Brasil" e no Congresso Nacional não definem os valores morais e éticos do meu lar, assim como os valores e a ética dos Romanos não definiram os valores e a ética da igreja primitiva, muito ao contrário! Pedro não freqüentava bacanais apenas porque a lei romana os permitia. Paulo não se obrigava a doar o brioco por força do fato da prática gay ser tolerada em Roma e até mesmo permitida em Israel em dado momento de sua história! Ou vocês nunca ouviram falar de prostitutos cultuais? Pesquisem aqui mesmo no Genizah e..... Pasmem! Santidade não se decreta!

Voto é um exercício de cidadania, não de espiritualidade. Nestas eleições, contudo, meu voto tem outra motivação: 


- Voto CONTRA a politicagem na igreja!


Não votarei em candidato que fez conchavos com falsos profetas exploradores da fé e ainda subiu no púlpito para ser ungido por Mamom!

Eu sou crente em Jesus, mas não sou gado de Malafaia, nem de RR, nem de Hernandes, nem de Rina, nem de Valdemiro, nem de Edir, etc... E muito menos da japa louca! 

Há anos estou assistindo a esta mesma ladainha sobre a importância de se ter uma bancada evangélica a fim de defender nossos direitos e o único "direito"que vejo ser defendido pela BANCADA "GOSPEL" é o nosso direito de sermos ENVERGONHADOS: Nossos políticos evangélicos estão envolvidos em todos os principais escândalos de corrupção do país nos últimos 20 anos- das ambulâncias ao mensalão. Chega de vergonha para o Evangelho!

Se pela ausência de uma representação de políticos evangélicos viermos a ser perseguidos, o que muito duvido, que assim seja! Que venha a perseguição! Contemos com o Senhor! 

Confira nas Escrituras se é melhor sermos perseguidos ou vir a ser o Evangelho envergonhado?


Eu não voto em Serra pois quero ver acabar a politicagem na igreja! Se Serra perder - como Russomano candidato da IURD perdeu - o voto de cajado sofrerá um duro golpe!

Vocês querem impor um voto religioso contra o voto cidadão? Que seja assim então! O voto do "espírito" é este: o voto contra a parte da liderança evangélica que é corrompida e corruptora e que usa Cristo para o seu próprio projeto político-empresarial.

Contra o voto de cajado, respondo com o voto "do chicote de Jesus no templo", o voto da subversão do Reino de Deus!

Para os mensalões do PT e do PSDB, a privataria tucana, a máfia distrital do DEM, o mensalão do PTB, a máfia das ambulâncias, as marutaias federais, municipais, estaduais e até distritais há a justiça falha dos homens.  Os culpados devem pagar por seus crimes, mas podem sair impunes. Inocentes poderão ser absolvidos ou tidos como culpados por intriga, ou justiçamento. Seja como for, este é um desafio para as instituições de um estado democrático de direito. Já o mensalão eleitoral evangélico da politicagem no púlpito será julgado pelo Eterno e os crentes desta geração que se dobraram serão cobrados! Eu não estarei entre eles!

Nunca declarei meu voto neste site. Nunca permiti (de fato, até censurei artigos de colaboradores de conteúdo político eleitoral). Hoje é diferente. Estas eleições estão trazendo escândalo para a Igreja, como nunca antes. Declaro meu voto como forma de protesto.

Fico com Haddad para não ficar com Malafaia, RR, Hernandes, Valdemiro, Itioka, Valnice, Rina, Valadão e outros. Todos eleitores de Serra. Serra cai, eles começarão  a cair também! E é só o que me interessa. Não estou olhando para a política partidária. Hoje estou me lixando para quem é o prefeito. Voto até em poste. Votaria no macaco Tião, desde que este não subisse em um púlpito para pedir votos. Jesus não pediu votos e quando colocaram Ele num palanque gritaram:


- BARRABÁS!

E Ele foi para o calvário fazer a Sua obra redentora!

Podem xingar, podem me chamar de Petista, Lulista, liberal, o que for... Não estou nem ai! Fico com aquele que, sem ser evangélico, respeitou mais o Evangelho e o púlpito do que muitos líderes evangélicos de expressão nacional e não trocou votos por alvarás para igrejas irregulares em nome de Gizus! 

Fico com Haddad por isto e só por isto TUDO. Que ele governe para palmeirenses e corinthianos; gays e héteros; evangélicos, espíritas, budistas e católicos; ricos, remediados e, principalmente, pobres! O resto é o resto!

Eu não quero um prefeito evangélico, tão pouco um que use os púlpitos das nossas igrejas para prometer o que não pode fazer, se dando a conchavos em troca de votos. Eu quero um prefeito competente que respeite os nossos direitos de cidadão e faça mais pelos pobres. Pois deles é o Reino! As prioridades são as de Cristo, não as da Igreja. A Igreja não deveria se preocupar com quem a serve, mas em SERVIR. Seremos nós à mesa do Cordeiro, mas até lá somos mordomos de quem Jesus nos manda.

 Chega de voto de cajado!

Jesus não morreu na Cruz para eleger políticos!

Voto santo é voto cidadão!


Em Cristo,

Danilo Fernandes



PS: Há raros e bons políticos evangélicos. Sou amigo de alguns! Entretanto,  os avalio por suas idéias, histórico e atuação, não por sua religião. 









 

politicagem na igreja 4744818437580799733

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail