681818171876702
Loading...

Pastor Presidente da Assembléia acusado de estupro de vulnerável é ouvido pela justiça

Pastor já foi ouvido no DAGV em Aracaju. Delegada informa que está realizando novas diligências


Por Cássia Santana - Infonet


O pastor Robério Lopes, acusado por prática de abuso sexual contra uma adolescente de 16 anos, já prestou depoimento no Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis da Secretaria de Estado da Segurança Pública (DAGV), segundo informou a delegada Mariana Diniz, que assumiu o comando das investigações.

A delegada não apresentou detalhes sobre o depoimento do acusado, disse apenas que não tinha revelações a fazer para a imprensa e que a equipe do DAGV estava realizando novas diligências para obter maiores esclarecimentos sobre as denúncias. A uma emissora de rádio, o pastor, na mesma ocasião em que ocorreram as denúncias, negou envolvimento com o crime e revelou que estaria disposto a ser submetido a todos os exames e diligências necessárias para provar a inocência.
Mas a mãe da adolescente vítima, cuja identidade está preservada, não tem dúvida que a filha foi violentada. “O resultado dos exames [feitos pelo Instituto Médico Legal] ainda não saiu, mas eu estou convicta”, disse a mãe, sem esconder o desespero. A adolescente, segundo revelou, passa por grandes transtornos psicológicos e vive dizendo que “a vida dela não tem mais sentido”.
A mãe informa que a adolescente tem pesadelos constantes, não esconde o temor de permanecer na casa onde reside e que se recusa até a sair com medo de ser reconhecida. A família acha importante a mudança de endereço, mas a mãe diz que não possui recursos financeiros suficientes para pagar um novo aluguel. 

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania (Semasc) informou que a adolescente e a família passam por atendimento psicossocial. A mãe confirmou a prestação do serviço, mas continua temendo. “O que temos hoje é desespero. Ela não quer se alimentar e só quer ficar deitada na cama, chorando”, declarou à mãe, em conversa com o Portal Infonet.

caso de polícia 4848944874682472143

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail