681818171876702
Loading...

Quando pastores vão a nocaute

Hélio Pariz

Não, não, o Mark Driscoll não acertou um soco no John Piper, apesar da cara de espanto deste último...


É que, ao contrário de certas "igrejas" no Brasil, não deve ser nada fácil ser pastor nos Estados Unidos. No primeiro vídeo abaixo, pelo jeito uma pessoa perturbada acerta uns socos no pastor, que - sangrando - não revida e continua com o culto quando os ânimos são serenados.

No segundo vídeo, um pastor começa a cantar um soul, e pelo jeito a irmã não entendeu direito o que ele queria dizer, se "Fill me" ("Encha-me") ou "Feel me" ("Sinta-me"), fazendo gestos um tanto quanto suspeitos olhando para ela, que não resistiu e saltou em cima do pastor.

No terceiro vídeo, os membros de uma igreja metodista não aceitam mais o pastor, acusado de má administração do dinheiro da instituição, e saem no tapa, sem ninguém nem pensar em oferecer a outra face.


Por fim, no quarto vídeo, um pastor menonita pede a um membro da igreja que lhe dê um tapa de homem, não de "garotinha", e depois de ficar até sem óculos, explica o que Jesus quis dizer com "oferecer a outra face" (Mateus 5:39). Essa doeu...

Já pensou se a moda pega no Brasil? Ou já pegou?...













 

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail