681818171876702
Loading...

Malafaia x Macedo: "luta profética" nas eleições 2010


A questão religiosa está movimentando as eleições 2010.

Até a semana passada, pastores e bispos evangélicos contentavam-se em fazer campanha política aos seus candidatos. Mas, no dia 16 de outubro, esse cenário mudou. Agora os líderes religiosos começaram a lutar entre si!

Tudo começou com um artigo no blog de Edir Macedo. O dono da Universal, que apóia fervorosamente o PT, desferiu o primeiro ataque à Silas Malafaia (negritos por minha conta):

Cuidado com o profeta velho

A principal característica do profeta velho é o engano.

Em I Reis 13, encontramos um homem de Deus sendo enganado por aquele que deveria orientá-lo, falar a verdade e guiá-lo no caminho certo.
Temos visto nos últimos dias uma verdadeira demonstração de que o espírito do profeta velho continua atuando e tentando levar as pessoas ao engano.
Veja o que aconteceu com o pastor Silas Malafaia, que iniciou a campanha política apoiando a candidata Marina Silva e depois, usando o argumento frágil de que o partido dela, o PV, apoiava o aborto, mudou de lado e, para justificar que não apoiaria a candidata Dilma, acusou o PT de ser a favor do aborto e apoiar o casamento de homossexuais. Pronto, o caminho estava aberto para, sabe-se lá com que interesse, apoiar o candidato Serra.

Como não há nada escondido que não seja revelado, veio a declaração do próprio Serra, em vários meios de comunicação, de que é favorável ao casamento de homossexuais. E não para por aí não. Explodiu como uma bomba a denúncia de algumas ex-alunas da esposa do candidato, Monica Serra, que ficaram indignadas com a hipocrisia do casal de que, como cristãos, são radicalmente contra o aborto. Inclusive, a Sra. Monica chegou a dizer que se Dilma vencesse, ela iria matar as criancinhas.

Revoltadas, as alunas disseram que em uma aula, muito tempo atrás, a Sra. Monica declarou que havia feito aborto, com o consentimento de seu marido José Serra.
Agora ficam as perguntas: O que fez o pastor Malafaia mudar de lado? Ele vai continuar apoiando o Serra?

Diante desse cenário temos que lembrar o que aconteceu com o homem de Deus (I Reis 13) que seguia o seu caminho e foi levado à morte, enganado pelo profeta velho, porque não guardou a sua fé.
Antes de retrucar publicamente, Malafaia conversou com o senador eleito Marcelo Crivella. Durante a campanha para o senado, o pastor assembleiano prestou apoio ao bispo da Universal. De acordo com o jornalista Lauro Jardim, da Veja, em 18 de outubro:
Edir Macedo x Malafaia: guerra à vista

Marcelo Crivella foi surpreendido no fim de semana com o telefonema de um irritado Silas Malafaia. O pastor, que ganhou notoriedade nestas eleições descendo a borduna no PT, estava enlouquecido com o blog do tio de Crivella, o bispo Edir Macedo. [...]

Revoltado com o tom das insinuações, Malafaia deixou um recado para Crivella:
- Avisa o seu tio para ele se preparar porque isso não vai ficar assim.
E o duelo de titãs teve um novo round no dia 19 de outubro. No twitter, Malafaia adiantou que iria "rebater as acusações maldosas e mentirosas de Edir Macedo".

A resposta veio em 2 vídeos:



Finalizando: é a guerra profética!!! Estamos vivenciando a luta entre o velho e o falso profeta. O vencedor será conhecido depois das eleições...

Nani fazendo a cobertura desta guerra profética para o Genizah
Silas Malafaia 8942453589451676323

Postar um comentário

Página inicial item

Siga por e-mail